Benefícios da semente de abóbora e como consumir

0
37
semente de abobóra
Crédito: Pixabay

semente de abóbora extraída da abóbora moranga ou Cucurbita máxima tem diversos benefícios associados à saúde, emagrecimento e beleza. Na sua composição há macrominerais como enxofre, fósforo, cálcio, potássio e magnésio; microminerais como zinco, ferro, manganês e cobre; e fibras, como celulose, lignina, gomas pectinas, hemicelulose e mucilagens. Também conta com a presença de vitamina A, carotenoides e tripofano.

Lembre-se então de separar as sementes de abóbora quando for preparar um delicioso prato. Elas são a parte mais rica do alimento e pode ser inserida na sua dieta alimentar de diversos modos. Como por exemplo: crua, cozida (junto com a receita), torrada, tritutada como farinha ou preparada como óleo. Por conter diversos nutrientes e compostos bioativos, a semente de abóbora ajuda a prevenir certas doenças e a melhorar a saúde do organismo.

Semente de abóbora para saúde, emagrecimento e beleza

O fruto abóbora tem um sabor muito rico e pode ser aproveitado como um todo: polpa, sementes e até mesmo a casca (chá). Portanto, antes de dispensar as melhores partes em termos nutricionais, lembre-se do quanto são saudáveis para o seu organismo. Veja as propriedades nutricionais da semente de abóbora, considerando uma porção de 28 gramas (média ideal de consumo):

Fibra: 1,7 g
Carboidratos: 5 g
Proteína: 7
Gordura: 13 g (6 dos quais são ômega-6)
Vitamina K: 18%
Fósforo: 33%
Manganês: 42%
Magnésio: 37%
Ferro: 23%
Zinco: 14%
Cobre: 19%

1. Combate ao estresse excessivo e estímulo da memória

O magnésio presente nas sementes de abóbora, assim como o tripofano, atuam nas funções cerebrais, assim como aumenta a produção do hormônio serotonina. Consequentemente, reduzem os níveis de estresse e ajudam a preservar as funções a memória.

2. Emagrece

Por ser rica em fibras, ajuda a retardar a digestão e dando a sensação de saciedade por mais tempo, além de ajudar no trato intestinal. Também diminui o acúmulo de gordura no sangue e na região da barriga. Além disso, é um alimento que possui poucas calorias.

3. Favorece a formação de massa muscular

É um aliado interessante aos esportistas pois, além de fornecer mais energia para o corpo e promover a saciedade por mais tempo, é também fonte de proteínas. O que favorece a formação de massa muscular do organismo.

4. Semente de abóbora atua como antioxidante

Protege o envelhecimento precoce das células do corpo e da pele também. Desta forma retarda o surgimento de rugas e manchas, principalmente na região do rosto devido aos betacarotenos e vitaminas A e C. A substância antioxidante também combate possíveis focos de inflamação no organismo, tais como os provocados pela artrite.

Apesar de serem excelentes oxidantes, é importante cuidar da pele do rosto, através do uso de um creme hidrante eficiente e, é claro, o protetor soloar.

5. Melhora a saúde da próstata e tireoide

Para homens e mulheres que possuem alguma condição de saúde associada à tireoide pode fazer o consumo regular da semente de abóbora, por ser rico em zinco. Já para os homens, a semente previne a produção das células prostáticas que, por sua vez, podem alterar (inchar) e causar problemas na próstata.

6. Combate vermes e parasitas

Por mais higiênico que seja o preparo e a manipulação dos alimentos dentro da sua casa, não é possível afirmar o mesmo, quando se come na rua, por exemplo. Portanto, há sempre o risco de contração de vermes e parasitas que podem se alojar no trato gastrointestinal. Esse problema pode ser combatido com o consumo regular de semente de abóbora, que possui ação anti-helmíntica.

7. Combate a anemia

semente de abobóra
Crédito: Pixabay

Este é um dos alimentos ricos em ferro que pode ajudar no combate à anemia. Inclusive, no que diz respeito à regulação dos elementos presentes no sangue, a semente é excelente por ajudar a regularizar os índices glicêmicos (açúcar no sangue) e colesterol ruim.

8. Semente de abóbora reduz a cólica menstrual e TPM

Uma ótima notícia para quem sofre com este problema em todos os ciclos. Por conter magnésio, a semente de abóbora reduz as contrações musculares e, consequentemente, reduz os efeitos da cólica.

9. Melhora a saúde do coração

Por conter substâncias esteróis e anti-hipertensoras, ajuda a controlar a pressão sanguínea (pressão alta) e, consequentemente, melhora o sistema cardiovascular. Outras substâncias que potencializam esse efeito benéfico são os antioxidantes, ácidos graxos, zinco e magnésio.

Já pensou em ter o seu próprio monitor cardíaco? São simples, leves, normalmente com pulseira de silicone e tecnologia compatível para medir os batimentos cardíacos com precisão, através do pulso.

10. Previne doenças

Além de ajudar na saúde do coração, também atua na saúde dos olhos evitando a catarata. Isso por ser rica em vitamina A e carotenoides, assim como luteína e zeaxantina, que são antioxidantes. Ou seja, fortalece o sistema imunológico como um todo, porque ainda contém vitamina C.

11. Eleva os níveis de potássio do organismo

O potássio é um mineral essencial para o bom funcionamento do organismo e controle da hipertensão. Outra função do potássio é o de prevenir o surgimento de pedras nos rins. Também evita a perda óssea.

12. Contribui para uma boa noite de sono

Por ser fonte de triptofano, aminoácido responsável pela promoção do sono, é uma fonte natural para melhorar a qualidade do sono. Neste caso o ideal é comer algumas sementes antes de dormir e, em casos mais extremos, procurar pela suplementação dessas substâncias, assim como o zinco, melatonina e serotonina.

13. Semente de abóbora melhora pele e cabelo

Por ser rica em vitamina E (antioxidante) e vitamina A é excelente no combate ao envelhecimento precoce não apenas das células do corpo, mas também da pele. Ou seja, retarda o surgimento de marcas de expressões e rugas. Já o óleo da semente de abóbora pode ser usado para o tratamento de queda de cabelo, assim como enfraquecimento dos fios.

Farinha de semente de abóbora faz bem à saúde?

semente de abobóra
Crédito: Commons Wikimedia

Por ser rica em fibras, ajuda a regular o funcionamento do intestinosacia a fome e ajuda a dar mais energia para o corpo. Além disso, a semente é rica em ômega-9, uma gordura boa para o organismo. Essa substância ajuda ainda a evitar o acúmulo de colesterol no sangue, assim como a gordura na cintura (barriga). Por isso ela é bastante indicada para quem deseja fazer dieta para emagrecer.

Ao consumir a farinha de semente de abóbora o corpo aumenta a produção de serotonina, hormônio responsável pelo humor. Proporciona sensação de bem-estar e aumenta a disposição, inclusive para praticar exercícios físicos. A combinação de uma alimentação saudável e equilibrada, com a prática regular de exercícios físicos aumentará a sua resistência física e, consequentemente, fará perder peso.

Como preparar e consumir

O primeiro passo é retirar as sementes da abóbora e lavar. Após esse processo é preciso deixar que elas sequem por 1 dia – passe por uma peneira para retirar o excesso. Em seguida, espalhe em um tabuleiro que possa ir ao forno. Caso queira, pode forrar o tabuleiro com uma folha de papel manteiga, que ajuda a não grudar. Asse as sementes até que elas comecem a ficar douradas.

semente de abóbora torrada pode ser consumida assim ou então após ser processada no liquidificador, até que vire uma farinha. As sementes trituradas de uma abóbora grande duram em torno de 20 dias e pode ser armazenada em um pote (seco) e que não fique exposto ao sol.

Tanto a farinha, quanto a semente torrada podem ser consumidas livremente. Por exemplo, a farinha pode estar no preparo de sucos, vitaminas e biscoitos, por exemplo. A versão torrada pode ser colocada em cima de sopas, saladas ou iogurte. Basta ser criativo e incluir de 2 a 3 colheres de sopa (rasas) por dia.

Óleo de semente de abóbora é bom para o quê?

Por ser rico em ácidos graxos é uma potente fonte antioxidante para o organismo e atua diretamente na prevenção e combate do envelhecimento precoce das células. Por isso que consumir o óleo de semente de abóbora é benéfico para a saúde do corpo. O seu preparo é um pouco mais complicado do que a forma torrada ou mesmo a farinha.

É preciso realizar o processo de prensagem a frio que, apesar de resultar numa quantidade menor do que a extração à quente, preserva a qualidade e o sabor do óleo. Para isso é preciso moer a semente de abóbora e então pressioná-la para que o óleo saia. Portanto, mais vale comprar o produto do que tentar fazê-lo em casa, sem os equipamentos adequados.

Este produto possui diversos benefícios para a saúde do homem e da mulher e o ideal é o consumo de até 30 gramas por dia ou 2 colheres de sopa do óleo. Conheça os principais benefícios associados:

Proteção à BPH: ou Hiperplasia Prostática Benigna, que está relacionada à próstata e é comum de aparecer nos homens com mais de 50 anos. Essa condição pode provocar dor ao urinar e, quando não tratada, câncer. As substâncias fitoesterol de beta-sitosterol ajudam a bloquear os efeitos do hormônio DHT, responsável pela proliferação de células da próstata.

Calvície: a queda de cabelo nos homens também é provocada pelo mesmo hormônio das células da próstata, o DHT. Portanto, além de prevenir esse problema, também auxilia na proteção dos folículos pilosos.

Alívio das dores artríticas: por ser um rica fonte de antioxidantes e ácidos graxos, o óleo de semente de abóbora atua contra os processos inflamatórios nas articulações, causados pela artrite.

Reduz o colesterol: e consequentemente ajuda a proteger o coração de possíveis doenças cardíacas. Os fitoesteróis presentes na semente ajudam a reduzir o mau colesterol, conhecido como LDL.

Saúde intestinal: auxilia no combate às inflamações gastrointestinais e pode ser utilizado regularmente para combater a síndrome do intestino irritável. Além disso, protege contra vermes e parasita que possam estar alojadas no trato digestivo.

Receitas com semente de abóbora

semente de abobóra
Crédito: Pixabay

Você pode consumir a semente de abóbora de diversas formas, inclusive como petisco, caso não queira adicionar como farinha (substituir em receitas) ou utilizar como óleo (para temperar salada, por exemplo).

Ingredientes

  • Sementes de Abóbora: 1 xícara de chá, crua;
  • Azeite: ½ colher de sopa;
  • Sal e Pimenta-do-Reino: a gosto.

Modo de preparo

  1. Pegue uma abóbora, abra e raspe com uma colher as sementes, para conseguir retirá-las da polpa;
  2. Coloque em uma peneira e lave com água corrente para retirar qualquer excesso da polpa que tenha ficado grudado;
  3. Seque as sementes com um pano limpo ou papel toalha;
  4. Separe uma frigideira e a coloque em fogo baixo, regue com azeite e, quando aquecer, acrescente as sementes;
  5. Antes de dourar, tempere com sal e pimenta e deixe por cerca de 10 minutos. Não deixe grudar no fundo da panela.
  6. Assim que estiverem crocantes e douradinhas, basta servir como petisco. Elas podem ser servidas frias!

Caso prefira outros sabores, substitua a Pimenta-do-Reino por páprica, cominho, cúrcuma, alho ou mesmo ervas!

Outro exemplo de receita feita com semente de abóbora é a de Molho Pesto! Fica simplesmente deliciosa e pode ser usado em massas, entradas, saladas ou em outro prato qualquer da sua preferência.

Ingredientes

  • Semente de Abóbora: 1 xícara de chá;
  • Azeite: 4 colher de sopa;
  • Manjericão: 1 xícara de chá, fresco;
  • Limão: 1 unidade (suco);
  • Água: 2 colher de sopa;
  • Alho: 2 dentes;
  • Queijo Parmesão: 2 colheres de sopa, ralado;
  • Sal: a gosto.

Modo de preparo

  1. Retire as sementes da abóbora como explicado na receita anterior, lave, seque e torre na frigideira ou no forno com um pouquinho de azeite e sal;
  2. Coloque todos os ingredientes juntos no processador (ou liquidificador) e bata até ficar homogêneo. Se achar que a pasta está muito “seca”, acrescente um pouquinho de azeite e de água (mas bem pouquinho, para não passar do ponto).

Grupos do SaúdeLab

SaúdeLab no WHATSAPP
SaúdeLab no TELEGRAM

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here