Home Notícias Laboratório descobre como criar leite sem vacas; entenda

Laboratório descobre como criar leite sem vacas; entenda

Você sabia que já é possível obter leite sem vacas?

O laboratório TurtleTree Labs descobriu esta semana uma maneira de produzir leite sem vacas! Segundo os coordenadores da pesquisa, é possível produzir leite real a partir de células, sem precisar pisar em uma fazenda.

No entanto, a intenção geral é de seguir produzindo este alimento importante para o ser humano, mas com menos poluição ao planeta. Por exemplo, a indústria de laticínios que conhecemos hoje,pode ser considerada ambientalmente insustentável.

Isto é, porque a produção de leite sozinha contribui com 4% das emissões totais de gases do efeito estufa – cerca de 2 bilhões de toneladas de CO2 por ano. Em geral, 37% das emissões globais de metano vêm da produção de gado. O metano é um gás de efeito estufa muito potente — cerca de 25 vezes mais eficaz na captura de radiação do que o CO2.

leite sem vacas
Em breve teremos outras possibilidades na compra de laticínios. Foto: Freepik.

Forma diferente de se obter leite sem vacas

De acordo com a estrategista-chefe do TurtleTree Labs, Max Rye, os consumidores estão cada vez mais pressionando por produtos livres de crueldade. E esta inovação com o leite, produzido a partir de células animais, veio para agregar valor, ao leque de opções que estes consumidores têm.

“Precisamos desenvolver novas tecnologias que possam nos fornecer os mesmos produtos dos quais gostamos tanto — leite, queijo, creme e manteiga — mas que sejam menos poluentes. Já vimos outras empresas fazerem algo muito semelhante com a carne. E os consumidores estão cada vez mais pressionando por produtos livres de crueldade. Eles estão mais conscientes de como reduzir suas emissões de gases de efeito estufa. Ao extrair o leite das células em nosso laboratório, podemos obter leite de verdade sem ter que prejudicar o planeta e os animais, então este é o futuro”, explicou.

Sala de ordenha de vacas/Foto: PA Media via BBC
Sala de ordenha de vacas/Foto: PA Media via BBC

Por outro lado, Rye também não escondeu seu entusiasmo, com o novo produto e seu processo de criação.

“Somos a primeira empresa no mundo a usar células para criar leite cru. É emocionante pensar que esses biorreatores poderiam ser implantados em qualquer lugar do mundo onde houvesse uma crise ou uma grande necessidade de leite e começar a produzir imediatamente”, esclareceu sobre a produção de leite sem vacas.

Ela também explica sobre a simplicidade do processo de produção, feito pela empresa.

“O que podemos fazer é criar leite cru usando células de mamíferos, cultivando essas células em nosso laboratório e estimulando-as a produzir leite em biorreatores gigantes. As células grudam em canudos minúsculos, o fluido é então puxado pelos canudos e o leite sai pela outra extremidade”, citou.

Um pouco mais sobre a empresa do ‘leite sem vacas’

A TurtleTree Labs é uma startup com sede em Cingapura que trata da lacuna de valor criada por uma indústria de laticínios de base animal insuficiente e insustentável. Métodos baseados em células são usados ​​para fazer ‘leite limpo’ (leite sem vacas) e produtos lácteos em cultura. Os fundadores incluem ex-alunos do Google, outros empreendimentos tecnológicos produtivamente disruptivos nos Estados Unidos e na Ásia e um dos principais laticínios tradicionais dos Estados Unidos.

É um empreendimento de tecnologia de alimentos sustentável, de grande visão que aborda corajosamente uma oportunidade multibilionária de mercado global de laticínios com a capacidade de criar um enorme valor financeiro e social ao fornecer alimentos acessíveis e ao mesmo tempo evitar as ameaças alimentares, econômicas e sociais -inseguranças políticas.

A empresa criou tecnologias protegidas por patentes para fazer leite de composição completa, funcionalidade total e sabor completo referenciando células de vacas leiteiras selecionadas humanamente e, em seguida, imitando o processo natural de produção de leite no laboratório, essencialmente produzindo leite real sem a poluição, uso ineficiente de terra, água e energia (recursos naturais), risco de patógenos e doenças e emaranhados.

Gostou dessa novidade? Acesse Saúde Lab e leia outras. Fique bem informado, sempre! E siga-nos nas redes sociais também:  Facebook, InstagramTwitter e Pinterest.

 

Grupos do SaúdeLab

SaúdeLab no WHATSAPP
SaúdeLab no TELEGRAM

Avatar
Lina Obaid
Jornalista, graduada pela Unic (2016). Pós graduada em Marketing e Comunicação, pela Faipe (2019). E no momento, estudante de Direito pela Unifama (1° semestre)

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Os mais lidos

Dados não aparecem no Cadastro Positivo do SPC e Serasa? Saiba o que fazer

A aprovação da inclusão automática e inicialmente obrigatória no Cadastro Positivo do SPC e Serasa, tem como intuito estimular um número maior de pessoas...

Como curar furúnculo rápido: entenda como você pode se livrar desse problema tão incômodo

Não há como se confundir. Todos nós somos capazes de reconhecer a forma dos furúnculos. No início eles são somente erupções vermelhas e doloridas...

Sacar o Bolsa Família no caixa eletrônico também é uma opção; saiba mais

Como sacar o Bolsa Família no caixa eletrônico - Segundo dados do Ministério da Cidadania, mais de 13,5 milhões de famílias de baixa renda...

Início da primavera e chuvas no Pantanal: a estação trará alívio para a região, menos para o Nordeste; entenda

O início da primavera no Hemisfério Sul se deu hoje (22/09) às 10:31 pelo horário de Brasília. O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) previu...