Ração com corantes geram riscos à saúde dos pets; entenda

Saiba porque você deve evitar rações com corantes.

0
255
Ração com corantes
Ao escolher a ração para seu bichinho de estimação, atente-se à composição. Foto: Envato.

O uso de corante na ração dos animais de estimação tem sido uma prática observada regularmente. É porque é muito comum encontrar várias rações coloridas nas pet shops. Confira no SaúdeLab mais sobre os perigos destes corantes para a saúde animal.

Corantes em ração de animais

corante
O corante na ração dos animais e seus perigos Foto – Pixabay

Os corantes são substâncias que adicionam ou restauram a cor aos produtos de origem animal.  Mas a questão é que as rações coloridas são algumas das mais pobres em nutrientes.

A indústria de alimentos de animais acabou incluindo aditivos como corantes alimentares. Os corantes são utilizados de acordo com o segmento a que pertence o alimento, e fazem a comida parecer mais bonita, cheia de cores vivas e divertidas, mas a verdade é que não são necessários, e nem nutritivos, pelo contrário, eles colocam a saúde dos animais em risco.

Muitos alimentos e guloseimas para animais de estimação incluem corantes apenas para agradar aos olhos do consumidor. Mas as rações coloridas contém muito sal, temperos e corantes, e não são indicadas para a saúde dos animais.

No que diz respeito aos corantes artificiais, as cores secundárias são obtidas através da combinação de cores básicas.

Leia mais: Confira 6 raças de cachorros que necessitam mais cuidados com a saúde

As cores dos corantes

corante
O corante na ração dos animais e seus perigos Foto – Pixabay

No mercado existem centenas de agentes sintéticos de coloração disponível. Confira alguns:

Amarelo 5     Também conhecido como tartrazina ou E102. É comumente encontrado em alimentos processados ​​que nós, humanos, consumimos, bem como em alimentos para animais de estimação. Acredita-se que cause efeitos neuroquímicos e comportamentais, incluindo hiperatividade, agressão e insônia. Também está relacionado à asma, alergias, tumores da tireoide, linfomas, TDAH e danos cromossômicos.

Vermelho 40     Talvez o corante alimentar artificial mais conhecido por causa de sua prevalência e má reputação, está contaminado com contaminantes que causam câncer. Você provavelmente já ouviu falar muito sobre isso porque está relacionado ao TDAH e à hiperatividade em crianças.

O azul 2     geralmente contém contaminantes que causam câncer e podem contribuir para o desenvolvimento anormal de células, especialmente no cérebro. Está mais intimamente ligado a tumores cerebrais. Também pode causar reações alérgicas.

Inclusive, há uma tradicional frase que diz que quanto mais colorida a ração, mais prejudicial ela é.

Leia agora: Doce vegano: Fini anuncia criação de balas sem origem animal

A alimentação é um dos fatores mais importantes no cuidado dos animais de estimação, já que a ração e a quantidade de alimento que deve ser fornecida dependerão de cada raça. Mas segundo os especialistas, é importante optar por rações de qualidade.

Por isso, rações de baixa qualidade e com corantes não são indicados para os animais, pois podem causar problema de trato urinário, trato renal, de pele e até perda de pelo.

Gostou desta matéria? Acompanhe nossas redes sociais: Facebook, InstagramTwitter  Pinterest.

Grupos do SaúdeLab

SaúdeLab no WHATSAPP
SaúdeLab no TELEGRAM

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here