Veja quem tem direito ao aumento de 25% para aposentados

Previdência Social garante o aumento do benefício em até 1/4 para determinado público

0
528
Aumento de 25% para aposentados
Aumento de 25% para aposentados está em vigor atualmente: Veja quem tem direito (Imagem: Anasps)

Você sabia que alguns tipos de aposentadoria asseguram o aumento de 25% para aposentados? Esse é o caso de alguns beneficiários do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) que necessitam de acompanhamentos especiais. Dessa maneira, a Previdência Social garante o aumento do benefício em até 1/4 para que seja possível o pagamento de um cuidador ou acompanhante para esses tipos de beneficiários.

Então, continue lendo para conferir quem são os aposentados que têm direito ao aumento de 25% em suas aposentadorias do INSS.

Também leia: Conhece os direitos dos aposentados? Entenda mais sobre isso e sobre o 14° salário

Veja quem tem direito ao aumento de 25% para aposentados
Veja quem tem direito ao aumento de 25% para aposentados

Aumento de 25% para aposentados: quem tem direito?

Primeiramente, esse benefício adicional que recai sobre o benefício do INSS é exclusivo dos beneficiários que foram afastados de seus postos de trabalho, em função da aposentadoria por invalidez.

Além disso, outra condição essencial é que o beneficiário tenha, realmente, algum tipo de limitação que exija acompanhamento de terceiros.

Contudo, o aumento de 25% para aposentados também depende que a doença ou condição física do beneficiário esteja inclusa na lista pré-determinada pela Previdência Social. Isso é necessário uma vez que o acréscimo é determinado e limitado por lei.

Quais são as doenças que permitem o aumento para aposentados?

Poderão se beneficiar do aumento do INSS os aposentados que tiverem documentos com diagnósticos das seguintes doenças ou condições:

  • Cegueira total;
  • Perda de nove dedos das mãos ou superior a esta;
  • Em razão de paralisia dos dois membros superiores ou inferiores;
  • Em caso de perda dos membros inferiores, acima dos pés, quando a prótese for impossível também será possível o aumento de 25% para aposentados por invalidez;
  • Ainda, em caso de perda de uma das mãos e de dois pés, ainda que a prótese seja possível ou de um membro superior e outro inferior, quando a prótese for impossível;
  • Alteração das faculdades mentais com grave perturbação da vida orgânica e social;
  • Doença que exija permanência contínua no leito;
  • Por fim, incapacidade permanente para as atividades da vida diária.

O rol acima que institui as condições que podem dar aumento de 25% para aposentados é previsto pelo Decreto 3.048/1999 em seu anexo I.

O beneficiário afastado por invalidez que se enquadre nos requisitos deverá procurar os canais de atendimento da Previdência Social como Meu INSS. Então, deverá apresentar documentos médicos que indiquem não apenas a condição incapacitante, mas também a necessidade de acompanhamento.

Confira agora: Aposentadoria compulsória como punição? Entenda isso

Gostou desta matéria e quer mais conteúdo relacionados? Siga nossas redes sociais: FacebookInstagramTwitter e Pinterest.

Deixe seu comentário

Grupos do SaúdeLab

SaúdeLab no WHATSAPP
SaúdeLab no TELEGRAM

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here