Estratégias podem ajudar limpar nome sujo no SPC/Serasa de forma rápida; entenda

Veja algumas soluções possíveis para a regularização

0
178
Estratégias podem ajudar limpar nome sujo no SPC/Serasa de forma rápida
Estratégias podem ajudar limpar nome sujo no SPC/Serasa de forma rápida

Como proceder para conseguir pagar uma dívida e limpar o nome sujo no SPC e Serasa de maneira rápida? Em dias de pandemia que só fez aumentar a crise econômica já existente no país, tal tarefa pode ser bem complicada. E dependendo do tamanho do débito, e, claro, dos juros cobrados, a situação pode ser quase irreversível pra muita gente.

Desse modo, para conseguir renegociar uma dívida e ter condições reais para pagamento, uma certa dose de paciência e planejamento podem ser necessárias. Veja abaixo, portanto, algumas dicas práticas que têm ajudado pessoas a saírem do vermelho e acenderem uma “luzinha verde” de esperança. Não tem nenhuma mágica. O que tem mesmo é muito esforço aliado a uma boa estratégia. Confira!

Leia ainda:Máquina de cartão SumUp On é sem consulta ao SPC e Serasa

Passos para quitar dívidas e limpar nome sujo no SPC e Serasa

limpar nome sujo
Como limpar nome sujo no SPC e Serasa em 1 ano? Confira. Fonte da imagem: Pixabay

Como já adiantado, para limpar o nome no SPC e Serasa em um prazo curto, é indispensável realizar um rigoroso e detalhado planejamento financeiro. Sem isso fica difícil organizar a renda para dar conta das despesas do cotidiano e, claro, da dívida específica.

Ao se começar a efetuar esse controle mais apurado das finanças, o consumidor tem clareza maior sobre seus gastos. Ele passa a entender não só o tamanho de suas dívidas, mas também de maneira mais precisa, a real causa delas.

Leia ainda: Pix é grátis para a população; entenda sobre o assunto

Nesse sentido, vale a ressalva de que é importante não apenas dar passos para efetuar o pagamento dos débitos, mas também não repetir os mesmos erros.

E nesse levantamento inicial dos recursos, deve ser feita uma reunião básica de dados sobre a vida financeira do consumidor. Uma definição clara sobre as fontes de renda e os gastos fixos (que precisam ser pagos todos os meses, como aluguel, energia etc.) e variáveis (custos que não necessariamente ocorrem todos os meses) vai proporcionar um maior controle sobre a situação.

Negociar as dívidas junto aos credores

Tendo já consciência do quanto pode disponibilizar para pagamento, o próximo passo é buscar um acordo para quitação.

Os parcelamentos ou pagamento à vista, devem ficar sempre dentro daquilo que cabe no bolso. Nada de promessas otimistas, esperando que a renda própria vá melhorar no mês seguinte. Muito pé no chão nesta hora.

Desse modo, o melhor mesmo é juntar uma boa quantia para entrada; caso, claro, não consiga pagar à vista com descontos.

Lembrando sempre de que deve-se buscar junto ao credor, que se retire os juros e faça concessão de abatimento. Pois na verdade, não é bom pra ninguém que a dívida persista. Além do mais, a demonstração de boa vontade para pagar, pesa bastante no processo.

Foi o que fez Eliane Pinheiro, 39 anos, auxiliar de produção. Ela conta que sofria bastante por ter sujado seu nome. Portanto, tomou a iniciativa de procurar a loja que colocou restrição em seu CPF, e, assim, negociou dentro de sua realidade financeira.

“Houve o abatimento dos valores que já estavam bem elevados, e eu consegui adequar dentro da minha realidade. No fim acabou sendo algo bom para as duas partes. Eles receberam e eu me livrei da restrição no meu nome”, conta.

Usar o 13º salário, abono do PIS/Pasep ou saque do FGTS

Uma alternativa bastante viável para o pagamento da dívida é usar aquele dinheiro “extra”, que entra em determinadas ocasiões.

Dessa forma recursos como o 13º, o abono do PIS, ou ainda o saldo de conta ativa ou inativa do FGTS que o governo liberou para saque são bons exemplos.

Feirão Limpa Nome do Serasa

Indubitavelmente, aproveitar o Feirão Limpa Nome do Serasa é uma ótima maneira de limpar o nome sujo.

Com efeito, nesse evento as empresas costumam fornecer bons descontos, de até 90%, o que diminui bastante o montante da dívida e viabiliza sua quitação. Portanto, vale sempre a pena ficar de olho.

Empréstimo com juros reduzidos

Quando se tem uma dívida muito alta e/ou com juros elevados, uma boa estratégia é fazer um empréstimo que tenha juros menores que o do débito em questão. Com isso, troca-se uma dívida maior por uma menor.

Aprendendo a regularizar a limpar nome sujo rapidamente

Aprender a se livrar do nome sujo de forma mais rápida ajuda a fazer a vida financeira entrar nos eixos de novo.

Além disso, identificar no próprio histórico características de uma cultura de pouca educação financeira, é autoconhecimento útil. Em sendo assim, vale a pena aprender mais sobre o tema. Uma preparação maior pode livrá-lo de problemas financeiros futuros.

Existem diversos cursos gratuitos pela internet, falando sobre o tema educação financeira doméstica.

Leia ainda:Meu Tudo empréstimo: opção de consignado para aposentados do INSS

Ademais, tanto quanto possível, vale a pena fazer um planejamento financeiro contínuo e criar uma reserva de emergência, para o caso de imprevistos.

Deixe seu comentário

Grupos do SaúdeLab

SaúdeLab no WHATSAPP
SaúdeLab no TELEGRAM

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here