Saiba mais sobre o Método Pilates na entrevista especial com a Fisioterapeuta Renatta Tavares

O SaúdeLab entrevistou a Fisioterapeuta Renatta Tavares para explicar os benefícios do Método Pilates

0
292
Renatta Taveres
Renatta Tavares. Foto: Acervo Pessoal

O Método Pilates é uma terapia que tem ganhado muitos adeptos nos últimos tempos. A modalidade é indicada para o tratamento de vários problemas de saúde. Assim, para saber um pouco mais sobre essa técnica, o SaúdeLab entrevistou a fisioterapeuta Renatta Priscila Del Mazzo Tavares, especialista em Método Pilates e Saúde da Mulher.

Mas antes, você sabia que o Método Pilates foi desenvolvido na Alemanha em 1920? Seu idealizador desenvolveu uma técnica para atender suas próprias necessidades relacionadas à saúde e assim contribuiu o bem-estar de milhares de pessoas ao redor do mundo, sendo indicado tanto para homens quanto para mulheres.

Praticante de Pilates / Foto: Renatta Tavares
Praticante de Pilates / Foto: Renatta Tavares

Assim, se criou o Método Pilates, uma prática esportiva muito difundida na sociedade atual. Para entender um pouco mais sobre o assunto, acompanhe nossa entrevista.

História do Pilates

SaúdeLab: O que é Pilates e para que serve? 

Fisioterapeuta Renatta: Método Pilates é um conjunto de exercícios físicos e alongamentos, realizados no solo ou em equipamentos específicos. Sua função é o controle muscular fazendo a conexão entre corpo e mente, desenvolvendo e restaurando a saúde, trazendo leveza e mais qualidade de vida. O Pilates trabalha vários grupos musculares ao mesmo tempo, por meio de movimentos suaves e contínuos. Com ênfase na concentração, no fortalecimento e na estabilização dos músculos centrais do corpo. Ao todo, existem 6 princípios que ajudam a desenvolver nos praticantes uma movimentação mais espontânea e consciente: O centro de força (Abdômen), concentração, controle do corpo e da mente, fluidez dos movimentos, precisão e respiração.

Joseph Pilates

SaúdeLab: Poderia nos contar um pouco sobre a história de método?

Fisioterapeuta Renatta: A princípio, o método foi criado pelo alemão chamado Joseph Pilates. Ele foi uma criança muito doente, pois sofria de diversos problemas de saúde como asma e raquitismo (deficiência de Vitamina D) e febre reumática. No entanto, por influência de seus pais, Joseph passou a se dedicar à prática de técnicas respiratórias que o ajudavam com seu problema de Asma. Eles acreditavam que sua má postura e respiração ineficiente ajudavam a piorar seus problemas de saúde.

Assim, aos 14 anos ele passou a se dedicar e aprofundar mais os estudos na área de medicina e medicina oriental, onde estudou diversos tipos de atividades físicas diferentes. Logo, surgiu a ideia de criar o método Pilates, com o objetivo de ajudar pacientes com o mesmo problema de saúde.

A partir daí, o alemão começou a colocar em prática seus estudos, utilizando molas de camas para realizar exercícios, reabilitando pacientes. Conforme eles iam melhorando ele aumentava o grau de dificuldade dos exercícios, para que pudessem ganhar mais força e flexibilidade. Trabalhando assim, não só o corpo, mas também a mente, através do controle da respiração. Entretanto, Joseph chamou esta técnica de “contrologia”.

Método Pilates
Método Pilates também traz benefícios aos idosos. Foto: Envato.

Método Pilates oferece muitos benefícios

SaúdeLab: Quais são os benefícios da prática do método Pilates para a saúde e qualidade de vida em geral?

Fisioterapeuta Renatta: É de suma importância lembrar que todos os exercícios tem como objetivo fortalecer a musculatura estabilizadora profunda do abdômen. E desta forma, promover mobilidade para as articulações e reeducação do movimento. Além disso resulta numa melhora da consciência corporal e postural. O Pilates por sua vez ajuda no controle do peso; alonga o corpo todo; melhora a postura; tonifica a musculatura profunda do abdômen; previne e recupera lesões; reduz o estresse e alivia as tensões; deixa a coluna mais forte e flexível; melhora a área de movimento das articulações; melhora a circulação sanguínea; aumenta a coordenação e o equilíbrio; aumenta a autoestima; dá qualidade no sono; elimina as toxinas do corpo; entre muitos outros benefícios.

Pilates: Quem pode praticar?

SaúdeLab: Quem pode praticar pilates? E quais são as recomendações e contrapontos?

Fisioterapeuta Renatta: Pessoas dos mais diferentes grupos podem praticar o pilates, desde o super treinamento aos sedentários. Da criança, passando pela fase de adolescência e chegando até a terceira idade. Até mesmo gestantes podem se exercitar com a modalidade, tendo um olhar mais cuidadoso com elas e suas gestações. Da mesma maneira, pacientes em fase de reabilitação, podem se recuperar, ou mesmo trabalhando a prevenção de lesões.

Pilates na gestação

No entanto, para as gestantes, a especialista recomenda a prática de exercícios leves, mas que possam ajudar na hora do nascimento dos bebês. O Pilates é uma destas indicações, pois ao mesmo tempo em que trabalha a respiração, a atividade exercita a oxigenação do bebê e a conexão da mulher com a transformação do seu corpo.

Pilates para gestantes / Foto: Renatta Tavares
Pilates para gestantes / Foto: Renatta Tavares

Fisioterapeuta Renatta: Na gestação ocorrem intensas mudanças, sendo elas fisiologias, familiares e psicológicas. A prática ajuda a gestante a amenizar essas mudanças trazendo o bem estar físico, emocional na qualidade de vida da mãe e do bebê. O método ensina uma inspiração e expiração lenta, ajudando a acalmar a mãe durante as contrações e alívio das dores.

Além disso, Tavares explica que os exercícios também favorecem o fortalecimento da região do assoalho pélvico, região que suporta todo o peso do bebê e centro do parto .

Por outro lado, os exercícios são adaptados para cada trimestre e para cada condição física de cada mulher. Outro ponto para se trabalhar o assoalho pélvico é que durante a gestação ele auxilia na sustentação do útero gravídico. E é comum ele ir se enfraquecendo, conforme o bebê vai se desenvolvendo.

A Fisioterapeuta Renatta Priscila Del Mazzo Tavares atende diariamente da clínica Fisioclin em Nova Mutum – MT e trabalha com o Método Pilates desde 2013. Instagram

Gostou desta matéria? Acompanhe nossas redes sociais:  Facebook, Instagram, Twitter    Pinterest.

Deixe seu comentário

Grupos do SaúdeLab

SaúdeLab no WHATSAPP
SaúdeLab no TELEGRAM

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here