Ventosaterapia: conheça todos os benefícios dessa prática e como ela funciona

A terapia com ventosas promove oxigenação dos tecidos, alivia as dores e tensões musculares.

0
287
ventosaterapia benefícios
Ventosaterapia: conheça todos os benefícios dessa prática e como ela funciona. Fonte da imagem: Uol/Reprodução

A ventosaterapia é uma técnica bastante antiga, que foi usada por diferentes povos. Os chineses costumam realizar essa prática usando bambus, enquanto os indígenas, de acordo com alguns registros, usavam chifres de animais.

Corresponde a um tratamento completamente natural. Ou seja, pessoas de qualquer faixa etária podem desfrutar dessa abordagem terapêutica. Confira adiante como ela funciona e quais são os seus benefícios.

Leia ainda: Conheça o Body Talk: a terapia com objetivo de desprogramar padrões emocionais negativos

Como funciona a ventosaterapia?

ventosaterapia funcionamento
Ventosaterapia: conheça todos os benefícios dessa prática e como ela funciona. Fonte da imagem: Unisul/Reprodução

Na ventosaterapia, utilizam-se copos, normalmente de vidro, os quais possuem ventosas que ajudam a criar por sucção/contração de pele onde estão sendo aplicados. Geralmente, aplicam-se as ventosas nas costas, pernas, braços, face e cabeça, por exemplo. A área que recebe a aplicação pode ficar roxeada e dolorida por um período.

Pode-se dizer que as ventosas funcionam a partir do momento em que os tecidos são devidamente liberados pelo vácuo criado. Dessa forma, o sangue começa a receber uma oxigenação maior e, consequentemente, os tecidos são mais abundantemente nutridos com oxigênio.

Leia ainda:4 dicas de exercícios para relaxar a mente e livrar-se do estresse

Esse processo do vácuo incentiva uma maior circulação sanguínea e, por conta disso, uma série de toxinas presentes no sangue são liberadas. Do mesmo modo, os pontos onde são aplicadas as ventosas correspondem aos utilizados na acupuntura.

Ventosaterapia
Marcas das ventosas na pele (Imagem: SPDM)

Após a retirada das ventosas o terapeuta acompanha a evolução da coloração da pele e logo então, poderá diagnosticar o que se passa no organismo do cliente.

Um artigo publicado aborda a questão e descreve o que pode estar acontecendo com a saúde do indivíduo de acordo com o aspecto que se apresenta.

A reação pigmentada da pele é relacionada com a falta de oxigenação do sangue e acumulo de toxinas na pele. Logo a cor mais arroxeada está ligada com a menor oxigenação do sangue e ao maior acumulo de toxinas.

E essa prática terapêutica leva de 5 a 15 minutos para ser realizada, a depender de cada caso.

 

Ventosaterapia
Coloração da pele e seu significado (Foto: Picuki.com)

Quais são os benefícios dessa abordagem?

O primeiro benefício da ventosaterapia e, que vale ratificar é o aumento da circulação sanguínea. A ajuda do processo de criação de vácuo e a consequente oxigenação dos tecidos é o que ameniza a fadiga, alivia as dores e tensões musculares.

Além disso, outros benefícios dessa terapia são:

  • Alívio de dores no abdômen;
  • Dor de cabeça aliviada;
  • Fortalecimento dos vasos sanguíneos;
  • Diminuição de estrias e celulites;
  • Aumento da produção de líquido sinovial no interior das articulações;
  • Regulagem do pH;
  • Estimula os meridianos da acupuntura;
  • Proporciona uma sensação de bem-estar;
  • Relaxa a mente e diminui o estresse

Leia ainda: EFT – Técnica de Liberação Emocional: descubra essa técnica para liberar energias negativas

Todavia, essa técnica possui algumas contraindicações. Com efeito, ela não é recomendada para pessoas que sofrem com trombose, varizes, tromboflebite, bem como feridas, distúrbios hemorrágicos, febre, fratura no local que receberá a aplicação.

Gostou desta matéria? Acompanhe as nossas redes sociais: Facebook, InstagramTwitter e Pinterest.

Deixe seu comentário

Grupos do SaúdeLab

SaúdeLab no WHATSAPP
SaúdeLab no TELEGRAM

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here