Excesso de ÁCIDO ÚRICO? Veja 8 frutas que ajudam no controle da Gota

As frutas oferecem diversos benefícios para saúde, incluindo a redução do ácido úrico

As frutas são um dos grupos de alimentos mais saudáveis para o nosso corpo. Através do consumo delas, conseguimos fornecer inúmeros benefícios e nutrientes para o organismo. Dentre esses benefícios, é possível citar o combate contra o ácido úrico, um composto que pode ser bem danoso. Venha com o SaúdeLab e conheça 8 frutas que podem te ajudar a eliminar o excesso de ácido úrico.

A princípio, a maioria das pessoas reconhece que as frutas, além de serem bastante acessíveis, fazem muito bem para a saúde. Por isso a inclusão delas na nossa alimentação é tão importante. Entretanto, nem todo mundo conhece as frutas que podem ajudar a eliminar o ácido úrico excessivo do nosso corpo.

Relação entre o ácido úrico e a gota

Talvez você nunca tenha ouvido falar do ácido úrico ou não conhece muito sobre ele, mas é provável que você conheça a gota. Ela é uma doença relativamente comum, e que pode ser bastante incômoda por causa das crises de dores que ela gera. Curiosamente, a gota tem tudo a ver com o ácido úrico presente no nosso corpo.

Quando em excesso, os cristais de ácido úrico começam a se acumular em certos locais. No caso, as partes que mais sofrem com o depósito deles são as nossas articulações. São justamente esses depósitos que causam a gota, e por isso a dor causada por essa doença se concentra nos dedos, joelhos, cotovelos e outras articulações.

higienizar frutas antes de consumir
Benefícios das frutas. Foto: Pixabay

Principais frutas que podem ajudar com a gota

Os alimentos ricos em vitamina C pode ser úteis para reduzir os efeitos do ácido úrico, então confira a lista:

Goiaba:

A vitamina C é um composto que possui efeito uricosúrico. Ou seja, ela é capaz de reduzir os níveis de ácido úrico no corpo, fazendo com que essa fruta seja uma ótima opção para gota.

Laranja:

Talvez essa seja uma das fontes mais populares de vitamina C, que, novamente, exerce um grande efeito uricosúrico no nosso organismo.

Kiwi:

Por também ser uma fonte de vitamina C, o kiwi serve como mais uma alternativa.

Limão:

Mais uma fonte de vitamina C, mas que dessa vez possui maior versatilidade que as outras, visto que o a fruta é muito utilizada para temperar saladas, carnes e muitos outros pratos.

Acerola:

Por fim, essa fruta também apresenta boas quantidades de vitamina C, sendo então benéfica para quem sofre com a gota.

Cereja:

Através dos compostos taninos presentes na cereja, ela consegue reduzir a quantidade de ácido úrico produzida pelo nosso corpo, e aumentar a filtragem dele.

Abacaxi:

Nessa fruta, é possível encontrar uma proteína chamada bromelina. Ela oferece diversos benefícios, sendo um deles a facilitação da eliminação do ácido úrico.

Tomate:

Assim como algumas verduras, o tomate possui um efeito alcalinizante, o que pode ajudar a controlar a gota em alguns aspectos.

Receba nosso conteúdo grátis em seu WhatsApp, entre em nosso grupo: Clique aqui

É possível curar a gota através da alimentação?

Atualmente, ainda não há uma cura definitiva para a gota. Portanto, infelizmente a alimentação não é uma solução absoluta para o problema. Por outro lado, a adoção de uma boa dieta é sem dúvida a melhor forma de controlar a gota e conter as crises de dor, diminuindo a frequência e intensidade dela. Se você sofre com essa condição de saúde, é muito importante buscar o atendimento médico para que ele possa te indicar uma boa dieta e, caso seja necessário, algum tipo de medicamente ou tratamento.

Leia mais: Triglicerídeos alto? Esses alimentos precisam ser evitados AGORA!

Veja como HIGIENIZAR FRUTAS VERDURA E LEGUMES (passo a passo completo)

Aprenda de maneira fácil como deixar os alimentos livre de contaminações. Assista a esse vídeo curta e aproveita todos os detalhes que separamos para facilitar sua rotina alimentar.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitarconsulte Mais informação