Como Aferir Pressão Arterial Corretamente?

Saiba como aferir pressão arterial corretamente e passo a passo

como aferir pressão arterial

Com a popularização dos medidores de pressão, é cada vez mais importante saber como aferir pressão arterial de forma precisa. Seguir o procedimento de forma correta em casa pode ser fundamental para prevenir complicações mais graves, já que permite controlar os avanços da hipertensão ou a descida da tensão arterial.

Neste artigo vamos lhe dar todas as dicas para que essa operação seja um sucesso sempre. Independente de qual seja o seu aparelho medidor, você não terá mais dúvidas ao manuseá-lo.

Como aferir a pressão arterial corretamente?

como aferir pressão arterial corretamente

Existem diversas formas de medir a pressão. Isso pode ser feito de modo manual, com um estetoscópio e esfigmomanômetro. Já se quiser usar um aparelho digital, ele pode ser acoplado ao braço ou ao pulso. Esses aparelhos estão cada vez mais acessíveis, sendo vendidos em lojas especializadas, em farmácias e mesmo em supermercados.

Um cuidado que é preciso ter é jamais apelar para técnicas não oficialmente recomendadas pelos médicos. Isso porque há quem acredite, por exemplo, que dá para aferir pressão usando os dedos ou relógios de pulso. Isso é um erro, visto que dessa maneira é possível obter apenas a frequência cardíaca, e quase sempre de forma errônea.

Mas digamos que, ok, você optou por comprar um medidor de pressão digital. Você sabe utilizá-lo? Confira como aferir pressão arterial usando esse tipo de aparelho.

Quais os valores ideais da pressão arterial?

Quem tem um aparelho medidor de pressão arterial sabe o quanto ele é importante e pode salvar vidas. E medir a pressão é mais simples do que você imagina! A tensão normal é aquela que não passa de 14 por 9 (140 X 90 mmHg) e não baixa de 9 por 6 (90 X 60 mmHg).

De qualquer forma, salientamos que a pressão normal de uma pessoa adulta com boas condições de saúde é 12 por 8 (120 x 80 mmHg).

Leia também: qual o melhor remédio caseiro para a pressão alta.

A que horas se deve medir a tensão arterial?

Para medir a pressão, faça isso logo ao acordar, de manhã e em jejum. Não tome qualquer remédio, isso é muito importante. Medicamentos sempre alteram a pressão arterial, assim como os exercícios físicos.

Por isso é extremamente importante estar em absoluto repouso. Convém, ainda, urinar e voltar para o estado de repouso, esperando pelo menos cinco minutos.

Se você toma medicamentos para a hipertensão e não consegue aferir nessa condição ideal supracitada, meça antes de beber o remédio. Se precisar aferir durante o dia, use sempre a tática descrita acima: urine e repouse antes da medição.

Isso fará com que a tensão estabilize e os resultados sejam credíveis. Ao iniciar o procedimento, tenha certeza de que o seu corpo está repousado, que o seu batimento é de uma pessoa relaxada, e permaneça sentado.

Dê preferência ao braço esquerdo sempre que possível. Mesmo que utilize um aferidor digital, não fale e não se mexa durante a verificação.

Como medir pressão arterial com aparelho digital?

como medir pressão arterial com aparelho digital

Esse tipo de aparelho vem com uma braçadeira. Ela precisa ser adequada à grossura do braço do paciente. O ideal é não ser larga, nem apertada. O braço de quem terá sua pressão aferida precisa estar apoiado em uma superfície, ficando sempre ao nível do miocárdio.

A braçadeira precisa ser colocada 3 centímetros acima da dobra do braço. Aperte de maneira que o fio do fique por cima do braço e não por baixo. O cotovelo deve sempre estar sobre uma superfície dura, enquanto a palma da mão fica aberta para cima. Agora é esperar que a aferição ocorra.

Caso o seu aparelho seja acompanhado com uma bomba, será preciso enchê-la. Faça isso com calma, até os 180mmHg. Qualquer alternativa como esta é melhor do que aferir a pressão arterial manualmente (a não ser que seja um médico ou um técnico especialista).

Leia também: tudo sobre o aparelho de pressão Omron

Medir tensão arterial: braço direito ou esquerdo?

De acordo com os médicos, há uma minúscula diferença de um braço para o outro em termos de pressão arterial. Nada muito acentuado, contudo é bom que a medição ocorra sempre no mesmo braço. De qualquer forma, não há diferença entre o esquerdo ou o direito. Escolha um e siga sempre medindo nesse.

O que deve ser evitado sempre é a medição no pulso ou pelos dedos. Há vários aparelhos super modernos que aferem a pressão no pulso e não pelo braço. O problema é que o pulso precisa estar na mesma altura do coração. Nesse caso quase sempre é difícil achar uma posição que contemple esse requisito.

Quanto aos dedos, sabe-se que as extremidades têm uma pressão arterial bastante diferente do restante do corpo. Aparelhos que usam essas extremidades para aferir pressão não são, portanto, confiáveis, devendo ser evitados ao máximo.

Passo a passo para verificação manual

Se preferir fazer com aparelho manual e estetoscópio, siga o passo a passo abaixo:

1. Sinta a pulsação na dobra do braço com a cabeça do estetoscópio. É importante seguir as recomendações acima de repouso, isso facilitará o procedimento;

2. Coloque a braçadeira no medidor de pressão a pelo menos 2 ou 3 centímetros após a dobra do braço, apertando-a bem. Um leve desconforto é normal. O fio da braçadeira deve ficar por cima do membro;

3. Feche a válvula da bomba com cuidado, coloque o estetoscópio nos ouvidos e comece a bombear a braçadeira até encher e chagar aos 180 mmHg. Você deixará de ouvir sons no estetoscópio por alguns segundos;

4. Quando atingir os 180 mmHg, abra a válvula lentamente e gentilmente, sem tirar os olhos do manômetro;

5. Ao ouvir o primeiro som de batimento, deverá registar a pressão indicada no manômetro, pois é o primeiro valor da pressão arterial;

6. E quando parar de ouvir sons, registre o segundo número que aparecer no manômetro, pois é o segundo valor da pressão arterial;

7. Junte os dois valores para obter a sua pressão. Por exemplo, se o primeiro número marcou 100 mmHg e o segundo é 60 mmHg, a pressão arterial é de 10 por 6.

 

 

 

 

Crédito das imagens: Freepik