Bochecho com água oxigenada: para que serve? Como fazer?

Vem com o SaúdeLAB e aprenda como fazer de forma segura

Alguns produtos que utilizamos no dia a dia podem exercer funções diferentes das que estamos acostumados. No caso da água oxigenada, existem pessoas que a utilizam para higienizar a boca. Mas é preciso ter ressalvas sobre essa atividade e entenda pra que serve e como fazer bochecho com água oxigenada. Portanto, vem com o SaúdeLAB e aprenda como fazer do jeito certo.

O Peróxido de Hidrogênio ou água oxigenada, como é mais conhecida, possui ação contra germes, bactérias e vírus com comprovação científica pela CDC (Centers for Disease Control). Mas qual é a forma segura de usá-la sem colocar sua saúde em risco?  Saiba que colocar esse produto na boca pode parecer perigoso. Sendo assim, fique por dentro dos detalhes dessa prática peculiar.

Para que serve um bochecho com água oxigenada?

À primeira vista, bochechar com água oxigenada pode parecer algo bastante estranho, mas fique tranquilo, você vai aprender a usá-la corretamente. Afinal, você provavelmente já usou em outras situações, por exemplo, como descolorir o cabelo.

De antemão, existe uma maneira de usar com segurança e a função desse tipo de bochecho é um pouco similar à de um enxaguante bucal. Ela exerce uma ação antisséptica na boca, de forma a eliminar microrganismos com o potencial de serem prejudiciais para a saúde. No caso, os microrganismos mais afetados são as bactérias gram-negativas, que são sensíveis a ação do produto.

Quem deve fazer bochecho com água oxigenada?

Em relação a saúde bucal, a água oxigenada pode ser bastante benéfica no combate a infecções gengivais, causadas por bactérias gram-negativas. Ademais, ela também pode servir para quando o siso estiver nascendo. Entretanto, para utilizar essa forma, é muito importante estar sob orientações de profissionais médicos, pois as mucosas da boca são muito sensíveis ao produto, o qual pode até mesmo causar queimaduras se utilizado de forma errada.

Passo a passo para preparar

A composição da água oxigenada pode ser um pouco agressiva ou danosa para a saúde bucal. Portanto, para que ela possa ser usada sem resultar em problemas, é preciso diluir ela. No caso, serão 5ml do produto para cada 100ml de água. Essas medidas, bem como o tipo específico do produto, podem mudar de acordo com a necessidade indicada pelo profissional especializado.

Quem não deve fazer?

É muito importante ter em mente que, por mais que a água oxigenada possa ajudar a eliminar algumas bactérias e combater algumas condições, não significa que ela seja essencial para a limpeza em si. Ou seja, ela deve ser utilizada apenas sob indicação médica, e não para a manutenção geral da higiene bucal. Afinal, sua ação não é capaz de substituir a escova e pasta de dentes, muito menos a limpeza feita por um dentista.

Leia mais: Como higienizar a boca após extração de dentes? Esses 3 passos não podem faltar