Otoscópio: Melhor Marca e Melhor Modelo do Mercado

Otoscópio, melhor marca e modelo ideal: saiba tudo sobre esse aparelho

Todo mundo conhece e até mesmo já foi examinado por um otoscópio. Esse é um dos acessórios mais indispensáveis a um profissional da área de medicina. Portanto se você quer saber tudo sobre um otoscópio, melhor marca, onde comprar, preços, veio ao lugar certo.

Neste artigo trazemos uma listagem com alguns dos otoscópios de melhor qualidade do mercado. São modelos elegantes, para todos os gostos e bolsos.

ImagemModeloDetalhes

PROFISSIONAL
Heine Mini 3000 - Preto

Heine Mini 3000

Inclui:
Janela de visão com aumento de 3 vezes;
Janela giratória para visualização com 3 aumentos;
Acompanha 10 espéculos descartáveis, 5 de 4.0mm e 5 de 2.5mm;

IR À LOJA (AMERICANAS)

ÓTIMO CUSTO BENEFÍCIO

otoscópio MD Omni 3000

Led Omni 3000 F.o.

Inclui:
Lente giratória com aumento de 3 vezes;
Cabeça altamente resistente à impactos;
Conexão para otoscopia pneumática;

IR À LOJA (AMERICANAS)

LEVE E COMPACTO

melhores marcas de otoscópio

Welch Allyn Pocket Júnior

Iluminação Halógena: Proporciona Luz, Mais Brilhante
Transmissão de Luz: Por Fibra Óptica

IR À LOJA (SUBMARINO)

Melhor Custo Benefício
Riester RI-Mini
Nossa Avaliação:
Econômico
MD Omni 3000
Nossa Avaliação:

 

5 Melhores otoscópios

Abaixo você verá uma lista com os melhores produtos do tipo que o mercado pode oferecer. Os preços variam muito, mas algo que não muda de modelo para modelo é a qualidade. Cada otoscópio que se encontra abaixo é um exemplo de excelência. Portanto independente da escolha que fizer, saiba que estará fazendo uma escolha acertada.

 

Independente se você é um médico conceituado ou um estudante em início de carreira, o Mini 3000 é perfeito para suas tarefas médicas. Indicado para a realização de exames de garganta, de ouvido e de nariz, o Mini 3000 possui um acabamento fosco no interior de sua cabeça. Isso é importante, visto que elimina as chances de haver reflexos durante um exame.

A lâmpada é altamente tecnológica. Ela é de Xenon Halógena, com uma tecnologia denominada de XHL. Otimizada, emite 100% a mais de luz em relação a lâmpadas tradicionalmente usadas nesses produtos. Você tem, assim, um brilho e uma luz intensa e concentrada, de modo que o exame é realizado com maior facilidade.

Esse modelo é composto basicamente por duas peças, que é o corpo e a cabeça. O corpo pode ser trocado por outro da linha Mini 3000 que seja compatível. A janela de visão do aparelho é aumentada três vezes, assim como a janela giratória para visualização, que também apresenta três tipos de aumentos.

O produto é acompanhado por dez espéculos descartáveis. São cinco com 4.0mm e cinco com 2.5mm. O cabo funciona a duas pilhas AAA e é ergonômico.

 

Nesse otoscópio, a Mikatos buscou aliar essa tradição à modernidade ao fazer um produto com iluminação LED. A transmissão de luz é fria, o que garante que o profissional realize seu trabalho em um campo ausente de reflexos. Esse otoscópio tem uma vida útil estimada em pouco mais de dez mil horas de utilização. Por isso não é preciso se preocupar tanto em ter que se desfazer do produto e trocá-lo por outro.

A lente que vai na cabeça tem a possibilidade de ser aumenta em até 2,5 vezes, o que facilita ao profissional realizar o exame. Lembramos que esse otoscópio, melhor marca japonesa do gênero, só deve ser utilizado para realizar procedimentos internos nos ouvidos, no nariz e na garganta.

 

A luz é branca, com um brilho de altíssima intensidade e com uma nitidez quase incomparável. Por isso se você está interessado em otoscópio, melhor marca e melhor fabricante, a MD pode ser o que procura. A lente desse produto é giratória e aumenta três vezes mais, facilitando a percepção do profissional na hora de realizar um exame.

Ergonômico e econômico, é considerado por especialistas como sendo muito superior aos que possuem lâmpas halógenas, principalmente porque sua bateria dura mais. O cabo é em metal e possui um revestimento termoplástico reforçado.

Os espéculos podem ser de variados tamanhos, fixando-se entre 2.5, 3.0, 4.0, 5.0 e 10.0mm. Por fim, assim que você coloca o aparelho no bolso, ele desliga sozinho, economizando suas duas pilhas AAA.

 

É elegante, ergonômico, sendo, portanto, de uma praticidade incrível na hora de realizar um exame. Como é econômico, tanto sua bateria quanto a vida útil da sua lâmpada são de alta durabilidade.

Esse otoscópio é de alto rendimento, tendo um sistema vedado para a realização de otoscopia pneumática. Possui entrada para pera de insuflação, embora a pera não venha inclusa e tenha ser adquirida em separado.

O cabo metálico é preto e liso, com alimentação realizada por duas pilhas alcalinas AAA. A lâmpada não é de LED, sendo, portanto, halógena. Ela é consideravelmente econômica. A fibra ótica é de transmissão fria, permitindo haver um campo de trabalho livre de sombras, de reflexos e de calor. Esse tipo de lâmpada é 30% mais brilhante do que a maioria das lâmpadas comuns e revela a cor real do tecido.

O produto vem com cinco espéculos reutilizáveis mediante esterelização. A lente é de aumento, com ampla visualização.

 

 

Ele é fabricado em fibra de vidro reforçado. A lente de aumento é de 2,5 vezes. Além disso, possui sistema vedado para otoscopia pneumática. A lente é removível, e o cabo é anticorrosão. Esse produto vem acompanhado de dez espéculos reutilizáveis. Cinco possuem tamanho de 2,5mm, enquanto os outros têm 4,0mm.

Melhor marca de otoscópio

Não existe unaminidade no quesito melhor marca de otoscópio. O importante é que você manuseie o produto e que adquira um modelo que se encaixa em suas necessidades. Escolha um otoscópio cujo cabo seja ergonômico, leve e fácil de segurar.

Não se esqueça também de que boa parte da qualidade de um otoscópio está no profissional que o utiliza. Por isso não se preocupe tanto com a marca, mas sim em investir na sua formação e na sua prática enquanto profissional da área de medicina.

Para que serve um otoscópio?

Mesmo que você seja leigo no assunto, com certeza sabe que um otoscópio é utilizado fundamentalmente para analisar a parte interna e a parte externa do ouvido de um paciente. Sua cabeça em formato cônico, com uma lanterna na ponta, facilita que o aparelho entre no local e que o profissional de saúde faça um exame. Esse exame é realizado, ainda, com uma lupa anexa à lente do otoscópio.

Esse produto, portanto, é diferente de um medidor de pressão, de um medidor de glicose e mesmo de um oxímetro. Não é qualquer pessoa que pode utilizá-lo, sendo recomendado que apenas profissionais da área médica manuseiem esse tipo de aparelho.

Como utilizar um otoscópio?

Você está a par do que é um otoscópio, melhor marca definida e já adquirido seu produto. Mas e agora como usar? Em primeiro lugar, é muito importante que explique ao seu paciente como acontecerá todo o procedimento. Apesar de ser simples, pode ser um pouco incômodo para algumas pessoas, principalmente para crianças, que não estão habituadas a fazer um otoscopia.

Agora examine os ouvidos do paciente e seus canais. Isso é muito importante, visto que assim poderá determinar o tamanho do espéculo a ser utilizado. Em casos específicos, como ocorre com as crianças, utilize sempre um espéculo estreito, pois os canais auditivos delas são menores e mais estreitos.

Use sempre a mão correspondente ao ouvido que está examinando. Se for examinar o ouvido direito, segure o otoscópio com a mão direita, por exemplo. Isso fará com que fique mais fácil manipular o objeto.

Caso o paciente reclame de dores ou especule ter algum problema em um dos ouvidos em particular, comece o exame pelo ouvido que supostamente está saudável. Isso é uma forma simples de evitar que o otoscópio acabe infectando o ouvido são.

Comece o exame pela parte externa do ouvido, chamada de pavilhão auricular. Verifique se não há feridas, machucados ou quaisquer anormalidades nessa região antes de adentrar o ouvido, pela membrana timpânica. Tenha muita atenção para não deixar passar qualquer sinal de infecção no tecido.

Por fim, vá movendo o otoscópio, verificando o osso do martelo e a pars tensa. Examine o quadrante inferior, gire otoscópio trezentos e sessenta graus, movendo-o para cima e para baixo.

Quais os tamanhos de espéculos?

Os espéculos são os cones removíveis que ficam na ponta do otoscópio. Eles devem ser imediatamente descartados após o uso, a não ser que sejam reutilizáveis. Nesse caso, uma esterelização pesada deve ser realizada antes que possam ser reutilizados.

Os tamanhos são os mais variados. Há modelos de 2,5mm, utilizados normalmente em crianças de até 3 anos de idade. Dos 3 aos 12, convém usar espéculos de 3.0mm. Na maioria dos adolescentes e adultos, no entanto, o recomendado é o de 4.0mm. Maiores que esses existem, mas são restritos a pacientes que tenham um canal auditivo muito largo.

 

 

Fonte: Research Gate

Fontes bibliográficas:

  • M. Salah, M. Abdel-Aziz, A. Al-Farok, and A. Jebrini, Recurrent acute otitis media in infants: analysis of risk factors, International Journal of Pediatric Otorhinolaryngology, vol. 77, no. 10, pp. 1665–1669, 2013.

Crédito das imagens: Americanas e Pxhere