O que é reumatismo no sangue? Será que tem cura? Entenda

O nome verdadeiro dessa doença é febre reumática

Considerada uma doença autoimune, o reumatismo no sangue é muito comum entre crianças e adolescentes. Sendo assim, continue lendo e confira tudo que o  SaúdeLAB separou de informações sobre essa doença. Acompanhe!

Reumatismo no Sangue

Antes de mais nada, saiba que reumatismo no sangue é o nome popular, pois o nome verdadeiro dessa doença é febre reumática. Essa doença é muito comum de se manifestar após infecções bacterianas, logo é uma doença autoimune, isto é, onde o organismo está tentando se defender.

O reumatismo no sangue faz parte de um grande grupo de doenças reumáticas, logo os sintomas se assemelham aos das demais. Entretanto, é uma doença muito comum entre as crianças e os adolescentes (5 a 15 anos).

Essa doença precisa ser tratada assim que a pessoa sente os primeiros sintomas para que possa ser curada. Dessa forma, a seguir você vai conferir com detalhes desde o que causa essa doença até como é feito o tratamento. Boa leitura!

O que causa?

De início, é muito importante que você saiba o que causa essa doença, pois vai permitir que você evite o surgimento do reumatismo no sangue. Sabe quando você tem uma infecção de garganta e seu médico passa medicamentos para o tratamento, mas você não faz o tratamento completo, e para antes de finalizar apenas porque teve melhoras?

Então, uma das principais causas do reumatismo no sangue é causado por uma infecção de garganta pela bactéria Streptococcus pyogenes. Logo, quando os antibióticos não são ingeridos pelo tempo determinado para matar essa bactéria, os anticorpos começam a atacar as articulações, levando assim aos sintomas que serão apresentados a seguir.

Veja também: O que é reumatismo? O que leva uma pessoa a ter a doença? Entenda

Sintomas

O que é reumatismo no sangue
O que é reumatismo no sangue – Imagem: Canva Pro

Entre os sintomas mais comuns dessa doença é a presença de dores nas articulações, como no joelho e cotovelos. Porém, o que retarda a procura médica e o início do tratamento é o fato de que as dores somem dentro de alguns dias e depois voltam em outra articulação.

Mas, de modo geral, é muito comum a pessoa ter febre, pequenos nódulos nas articulações, dor no peito e até mesmo manchas vermelhas na pele.

Diagnóstico

Para que seja feito o tratamento adequado, é preciso chegar a um diagnóstico. Para isso, o médico vai avaliar os sintomas e depois solicitar um ou mais dos seguintes exames: hemograma, VHS e o ASLO, lembrando que esses são apenas os principais.

Como é feito o tratamento?

O tratamento pode ser feito por meio de medicamentos que tem como objetivo matar a bactéria e consequentemente aliviar os sintomas. Sendo assim, o médico pode receitar antibióticos, anti-inflamatórios, anticonvulsivantes, ácido acetilsalicílico (AAS) e corticoides.

Além disso, durante o tratamento, enquanto as dores nas articulações não sumirem é muito importante que você fique em repouso para que o tratamento seja mais efetivo.

Veja também: Entendendo o lúpus: conheça os tipos, sintomas e como ele afeta a saúde

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitarconsulte Mais informação