Abacate Engorda ou Emagrece?

Saiba quantas calorias tem um acabate e se a fruta engorda ou emagrece

abacate

Abacate emagrece ou engorda? O uso do abacate em dietas tem sido cada vez mais regular. As torradas e cremes, como o guacamole, viraram febre no último verão. A fruta em si é bastante saudável e pode ser consumida de diferentes formas, seja doce ou, até mesmo salgada.

Quando o assunto é o abacate, muitas vezes, vira polêmica. As pessoas ainda contam as calorias contidas no abacate. Já são numerosos os estudos que comprovam que as gorduras e açúcares presentes na fruta são saudáveis e têm uma série de benefícios.

Se fizer o consumo do abacate com os devidos cuidados, conseguirá eliminar o excesso de peso, ter um melhor fluxo menstrual (no caso das mulheres), ter cabelo mais brilhante e pele mais sedosa, além de melhorar o sistema cardiovascular.

Comer abacate com açúcar não vale, muito menos com leite condensado. Há diversas formas de adoçar a fruta e torná-la mais saborosa ao nosso paladar, como a adição de mel nas batidas.

Leia também: Como fazer a dieta das frutas?

Abacate engorda? Calorias e benefícios

abacate engorda

Este é um alimento antioxidante, por isso, acima de tudo é preciso ter em conta que, apesar de calórico, é considerado um superalimento. Ou seja, está entre os alimentos que mais trazem benefícios ao corpo humano. Cada fruta chega a ter em média 20 vitaminas e minerais diferentes, entre eles: vitamina K, C, B5, B6, E, Folato e Potássio.

O abacate também concentra magnésio, cobre, ferro, zinco, fósforo e vitaminas A, B1, B2 e B3 em menores quantidades. Tudo isso em apenas 160 calorias e 2 gramas de proteínas.

Desvendando os nutrientes

Cada 100 gramas de abacate contém:

  • 6 por cento da quantidade diária necessária de vitamina K, importante para a saúde dos seus ossos e do seu coração.
  • 20 por cento da quantidade diária necessária de ácido fólico, essencial para a formação de novas células sanguíneas na medula óssea.
  • 30 por cento da quantidade diária necessária de vitamina C, que fortalece o sistema imunológico, o coração, a pele e os olhos.
  • 14 por cento da quantidade diária necessária de vitamina B5, que ajuda a combater alergias, além de outros benefícios.
  • 13 por cento da quantidade diária necessária de vitamina B6, que melhora diversos sistemas do organismo, incluindo o de imunidade, circulatório, digestivo, nervoso e muscular.
  • 10 por cento da quantidade diária necessária de vitamina E, que atua diretamente na saúde da sua pele e dos seus olhos.

Apesar de se ter como senso comum que o abacate engorda, esta é uma ideia bastante errada. Em cada 9 gramas de carboidratos da fruta, 7 gramas são fibra. Por isso, é recomendada a sua ingestão em dietas low carb, de baixa caloria.

Além disso, não contêm qualquer colesterol ou sódio, e são baixos em gordura saturada. E ainda têm mais potássio que as bananas.

Por que comer abacate?

A fruta ajuda a diminuir o colesterol, os triglicerídeos, e aumenta o HDL. Elimina as câimbras musculares, rejuvenesce a pele e nutre os cabelos e unhas. Isso porque é um ácido graxo monoinsaturado, que também é o componente principal no azeite de oliva.

O abacate é rico em fibra e também está associado a prevenção de diversos tipos de câncer. Quem come abacate com regularidade consegue absorver melhor vitaminas provenientes de outros legumes, como os carotenoides.

Nove razões para comer abacate

abacate

1. Bom para tudo

É uma das frutas mais completas. Apesar de ser rica em gordura e carboidratos, faz bem para seus cabelos, olhos, unhas, respiração, coração, rins, etc.

2. É rico em vitaminas e minerais

Apenas em uma xícara da fruta, ou 125 gramas, você já consome 35 por cento da necessidade diária de diversas vitaminas, como as do complexo C, K, B e E.

3. Melhora a saúde ocular

Quando falamos em cuidado com a visão, todo mundo lembra da cenoura. Porém, ela não é o único e nem o melhor alimento para isso.

O abacate contém um carotenoide conhecido como luteína, que desempenha um papel importante na prevenção de algumas patologias oculares.

Seus antioxidantes e o poderoso ômega 3 evitam a degeneração macular e ajudam a conservar a umidade natural dos olhos.

4. São bons para o trânsito intestinal

Quem sofre de prisão de ventre, gases e problemas digestivos podem encontrar alívio se consumirem pelo menos uma porção de abacate por dia ou pelo menos cinco porções por semana.

Esta fruta contém até 80 por cento de fibra dietética, que alivia a inflamação enquanto favorece o movimento intestinal. É considerada um prebiótico, porque serve de alimento para as bactérias boas que protegem o cólon.

5. Atua como anti-inflamatório

Os desequilíbrios nos processos inflamatórios do corpo são a raiz de muitas doenças crônicas. Por sorte, um alimento como o abacate pode ajudar a regulá-los graças à ação anti-inflamatória de seus flavonoides e polifenóis.

6. Previne o envelhecimento precoce da pele

Uma das principais causas do envelhecimento precoce da pele são os efeitos negativos que os radicais livres que estão no ambiente causam. A vitamina E, os flavonoides e polifenois do abacate têm uma poderosa ação antioxidante que detém o estresse oxidativo, para manter a pele jovem por mais tempo.

Também é preciso destacar que oferecem vitamina C, um nutriente que aumenta a produção de colágeno e elastina.

7. Alivia a artrite

Pacientes que sofrem dores constantes por causa da artrite podem encontrar uma atenuação natural neste alimento. Seus compostos antioxidantes e agentes anti-inflamatórios aliviam a doença de forma temporal e contribuem para melhorar a saúde articular.

8. Contribui com o cuidado das unhas

A biotina que o abacate contém é essencial para proteger e conservar as unhas fortes. Seja através de seu consumo ou por meio de uma aplicação direta sob a unhas, os óleos essenciais que contém permitem manter as unhas hidratadas e bonitas.

9. Benéfico para grávidas e lactentes

Antes e depois de dar à luz, pediatras e demais médicos recomendam que as mulheres adicionem o abacate em sua alimentação, já que ele contém a quantidade necessária de ácido fólico, vitamina B9, que diminui os riscos durante o parto.

Alguns também o aconselham para a dieta do bebê, pois oferece gorduras monoinsaturadas que desempenham um papel fundamental em seu desenvolvimento. Por se tratar de um fruto de textura mole, pode ser dado sem problemas, ainda que precise sempre de supervisão médica para inseri-lo na alimentação da criança.

Afinal, o abacate engorda ou emagrece?

Também é recomendado no alívio dos sintomas da artrite e no auxílio a perda de peso. Cientistas comprovaram já que a ingestão de abacate à noite ajuda a emagrecer com maior facilidade. Abacate é bom para quem procura perder peso de forma sustentada.

Para os diabéticos, é uma das frutas liberadas, por sua baixa quantidade de açúcares. Apesar do preconceito de que o abacate engorda, é uma fruta que desacelera o processo de absorção do organismo e ajuda-nos a comer menos.

E a melhor razão de todas para ter a fruta sempre à mesa: é deliciosa. Pode incorporá-la nas suas saladas, sucos e sopas. Além de ser fácil de encontrar e ter um preço relativamente em conta.

Como conservar o abacate?

abacate

Muitas vezes não utilizamos o abacate inteiro em nossas receitas. Aí, na pressa, a gente vai lá e joga para dentro da geladeira.

Quando lembra do abacate, ele está preto ou murcho. Isso acontece porque, assim como a maçã, o abacate oxida. E, no momento em que a fruta oxida, ela já perdeu boa parte dos seus nutrientes. Conservar bem a fruta é ter a sua saúde em atenção.

Existem algumas dicas para conservar o abacate, e seus nutrientes, em bom estado na geladeira. Veja abaixo!

1. Mantenha o caroço

Se for comer apenas a metade, deixe o caroço protegendo a outra metade. Isso fará muita diferença, mas só isso não basta, é preciso proteger a fruta inteira da oxidação.

2. Método da cebola

Este truque consiste em cortar um quarto de uma cebola roxa em pedaços grandes, que deverão ser colocados no fundo de um recipiente hermético, de preferência de vidro.

Depois, ali colocamos a metade do abacate que queremos conservar, de tal modo que o caroço fique voltado para cima. O recipiente deve ser fechado e guardado na geladeira.

Este conselho é muito útil, já que os vapores que a cebola emite podem ajudar a conservar a cor verde e a manter o abacate fresco. Além disso, a única parte que terá contato com a cebola é a casca do abacate, portanto, o sabor da fruta não irá alterar. Também podemos guardar a cebola utilizada para depois usar em outras coisas.

3. Método do suco de limão

Outro ingrediente que ajuda a conservar a frescura do abacate é o limão. Sabemos que o limão dá um sabor muito delicioso ao abacate e ambos se complementam muito bem.

E ainda o ácido cítrico do limão reduz drasticamente o processo de oxidação. Para isso, simplesmente jogue um pouco de suco na metade que desejar guardar.

4. Método do azeite de oliva

O azeite de oliva é um ingrediente natural que não altera o sabor nem o odor do abacate que se deseja conservar fresco. Para aproveitá-lo, simplesmente unte a parte do abacate que deseja conservar e guarde em um recipiente de vidro. O azeite impedirá que a fruta entre em contato com o ar e se oxide.

E na sobremesa, engorda?

Toda fruta consumida em excesso engorda. O segredo está em se autocontrolar. Claro que é melhor tomar uma batida de abacate com açúcar que comer um bolo de chocolate.

Mas não vá apenas por aí. O abacate é uma fruta que contém muitas gorduras e, apesar de boas, elas atuam no nosso organismo. Se já temos gorduras em excesso, por que injetar mais ainda?

Respeite o tamanho da sua fome e evite os excessos. Se quer emagrecer, evite o consumo diário do abacate. Deixe para comer em horários em que o corpo necessita de mais energias, como logo cedo pela manhã.

Comer abacate à noite engorda? Sim, por isso evite a todo custo comer a fruta à noite. É nesta hora que o abacate engorda.

Depois do almoço, a nossa queima calórica baixa muito e começamos a estocar. Por isso comemos em forma de pirâmide: muito de manhã, moderado à tarde e quase nada à noite, quando queremos perder peso.

Vitamina de abacate com banana engorda? A princípio não. Mas se você busca uma dieta low carb, essa pode não ser a solução ideal para você.

Isso porque o abacate e a banana são ambos ricos em carboidratos. Então, lembre-se, se você estive em uma dieta cetogênica ou cetônica, não pode comer abacate!

 

 

 

 

Crédito das Imagens: Unsplash e Pexels