Verdade ou Mito: Chá Verde Emagrece Mesmo?

chá com macarrons

Chá verde, como fazer? Existem diversas receitas e maneiras de fazer uso da plantinha.

Quem nunca bebeu chá verde para perder peso que atire a primeira pedra. Se você é dessas pessoas que luta há tempos contra a balança, você com certeza já pesquisou sobre os benefícios do chá verde. Beber chá e infusões, independente do tipo, pode trazer inúmeros lucros para você e seu organismo.

Existe chá para todos os gostos e com diversos efeitos. O consumo de plantas fervidas em água é antigo e está fortemente relacionado a longevidade e uma vida mais saudável.

O chá é composto por um antioxidante chamado epigalcatequina galato (EGCG). Essa substância com nome esquisito é responsável pela aceleração do metabolismo, aumentando a queima de gorduras de forma mais eficiente. Além disso, é rico em cafeína e ideal para quem não gosta de beber um cafezinho aqui e ali.

chá verde

Benefícios chá verde – folhas

A bebida feita com folhas secas é mais rica em nutrientes. Mas isso não impede você de optar pelo chá instantâneo ou solúvel. Atualmente, existe uma gama de produtos proveniente das folhas do chá verde. Então, se você tem problemas com o gosto ou não é fã de chá, pode optar por cápsulas ou sachês.

Entre as muitas substâncias encontradas no alimento, destacam-se o manganês, o potássio, o ácido fólico, as vitaminas C, B, E e K, além de nutrientes que são essenciais para o bom funcionamento do organismo. O arbusto que dá nome ao chá é conhecido como Camellia sinensis e é proveniente da China.

A mesma planta também dá origem ao chá preto, branco e oolong. A diferença entre os chás está no processo de oxidação. Enquanto o chá preto passa por mais etapas de processamento e tempo de oxidação, o verde tem oxidação mínima – característica que ajuda a preservar suas substâncias benéficas à saúde.

O chá oolong tem propriedades intermediárias, entre o preto e o verde, e o chá branco é produzido com botões que cresceram e não sofreram oxidação. Apesar deste não ter clorofila, há quem diga que ele seria tão ou até mais poderoso que o chá verde. Além do cultivo na China, o Japão e Portugal são também grandes produtores e exportadores do chá.

Existem dezenas de variedades de chá verde, em folhas ou em sachês. É importante saber a origem e história do chá, para não trocar gato por lebre na hora de comprar o seu. Entre os muitos benefícios do chá, você poderá notar, em pouco tempo de consumo, uma melhora geral do organismo, a queda do colesterol, o aumento da imunidade e uma pele mais bonita.

chá verde

Como fazer chá verde caseiro?

A preparação do chá-verde difere um pouco dos chás tradicionais. A água não deve estar fervendo, pois, do contrário, as folhas acabam sendo cozidas e proporcionando um gosto amargo à bebida. O tempo de infusão também não deve ser maior que 3 minutos.

Você pode adicionar elementos a sua bebida para potencializar seus efeitos. Dois grandes exemplos são o limão e o gengibre. O chá verde com limão é uma bebida muito rica para quem quer perder peso rapidamente.

Isso acontece porque isso torna o chá verde detox. Você deve bebê-lo pela manhã para atingir melhores resultados. A melhor forma de fazer o chá com limão é medir para cada xícara de água quente, uma colher de sopa do chá em folhas e o suco de meio limão espremido na hora.

Já o chá verde com gengibre pode ser um excelente remédio contra gripes e resfriados. O gengibre também é um alimento termogênico, ou seja, que auxilia o corpo a queimar calorias com mais facilidade. Diversos estudos comprovam que beber esse chá à noite pode ser uma forma eficiente de melhorar sua saúde.

Chá verde com suco de abacaxi

Médicos e nutricionistas recomendam fazer suco de abacaxi com chá verde. O chá sozinho já é um produto bastante diurético. Quando combinado com a fruta, seus poderes triplicam.

O abacaxi, por sua vez, é rico em vitaminas A, B e C. Além disso é ótimo para a digestão de alimentos pesados, a prisão de ventre e ajuda a purificar o sangue. O chá verde com abacaxi é um dos melhores desintoxicantes naturais recomendado pelos médicos.

Sabe aquela ressaca da má alimentação de fim de ano? Beba um copo do chá gelado com suco de abacaxi batido no liquidificador em jejum e sinta a diferença. Se quiser, pode ferver a casca de um abacaxi e fazer seu chá verde com essa água. Os nutrientes da casca da fruta são ainda mais ricos.

chá verde

Cápsulas de chá verde

Em cápsulas, o chá emagrece rápido mesmo. Uma série de investigações em diversos países já mostraram a eficácia deste medicamento natural. Entretanto é bom buscar produtos de qualidade e que se conheça a procedência. E também é importante ter o acompanhamento de um profissional de saúde.

Geralmente, a ingestão de comprimidos é feita três vezes por dia, cerca de trinta minutos após as refeições principais: café da manhã, almoço e janta. Porém estas quantidades podem variar com a marca do produto.

Quem tem problemas para urinar ou acaba por esquecer de fazer pausas ao longo do dia para usar o banheiro deve procurar inserir o chá no dia a dia. É que as drágeas do chá aumentam a vontade, através do efeito diurético.

Outro benefício é que suprimem o surgimento de cáries nos dentes, pois contém flúor. Quem sabe assim você troca o cafezinho pelo chá verde? Ah, e se você pensa que o chá “afrouxa” o intestino, pode ficar sossegado, isso é mito. Inclusive, médicos recomendam o consumo das cápsulas em caso de diarreia ou infecção intestinal.

Apesar de inofensivo e liberado, o chá verde em cápsulas deve ser evitado por grávidas, crianças e adolescentes. Pessoas com distúrbios de sono ou ansiedade também devem se precaver antes de tentar uma experiência com o medicamento.

Informação nutricional – Quantidade por cápsula

  • Extrato de chá verde: 500 miligramas;
  • Polifenóis: 250 miligramas;
  • Catequina: 125 miligramas;
  • Cafeína: 25 miligramas.

chá verde

Chá verde solúvel emagrece mesmo?

Toda a forma de chá verde emagrece e auxilia no controle de peso. Inclusive, o chá está fortemente associado ao controle da diabetes. O Journal of the American Medical Association publicou, em 2009, uma compilação de diversos estudos que mostram que a ingestão do chá diminuiu o risco de diabetes em 200 mil pacientes.

A verdade é que nem o chá verde em cápsula, nem o solúvel são milagrosos. É preciso praticar exercícios e buscar uma dieta equilibrada. O chá atua na inibição da digestão dos carboidratos, dificulta a absorção da glicose, estimula as células pancreáticas a produzirem insulina e aumenta a atividade da insulina no fígado. Tudo isso é eficaz para quem está de dieta.

Além disso, o chá verde solúvel é uma alternativa a outros tipos de medicamentos para quem busca mais saúde cardiovascular. Pois reduz danos produzidos pelos radicais libres às paredes de vasos sanguíneos e diminui inflamações. Também está associado a prevenção de câncer de mama, colo do reto, próstata, ovário, pulmão, pescoço, estômago, pâncreas, esôfago e bexiga.

chá verde

Tomar chá verde à noite faz mal?

Esse é um grande mito relacionado ao chá. Os médicos e nutricionistas desestimulam o consumo do chá à noite, porque ele aumenta muito a vontade de ir ao banheiro e urinar. Isso pode contribuir para um sono irregular, afinal ninguém dorme tranquilo quando sente aquela pontada na bexiga de hora em hora.

Mas não existe regra na hora de beber o chá. Se você é uma pessoa mais noturna, poderá fazer uma ingestão maior durante a noite. Tudo depende do seu estilo de vida. O que faz mal é ingerir chá demais. O ideal é não ultrapassar duas xícaras por dia.

O excesso do chá pode reduzir a absorção do ácido fólico no organismo, uma vitamina importante para grávidas ou mulheres que tentam engravidar. Além disso, pode provocar taquicardia, hipertensão, náuseas e enjoos. Também não se recomenda a ingestão do líquido em jejum.

O consenso entre os médicos é beber o chá logo após as refeições, para que este atue na redução da absorção da gordura. À noite, você pode optar pelo chá branco ou de cidreira, que não tem cafeína.

Outros usos

Sim, você pode fazer outros usos desta maravilha de chá. Se prestar atenção, verá que já são muitos os produtos produzidos pela indústria de beleza contendo o chá verde. Mas em vez de gastar em cremes e loções sem eficácia comprovada, separamos para você algumas receitas que pode fazer em casa sem gastar muito!

chá verde

1. Tônico adstringente

Muitos tônicos adstringentes e água micelar são vendidos a preço de ouro. Alguns contém químicos perigosos para a sua pele. O chá, no entanto, é benéfico para todos os tipos de pele e não causa manchas ou queimaduras.

Para fazer o seu próprio tônico, coloque 100 gramas de folha do chá em meio litro de água em temperatura ambiente e deixe descansar por uma hora ou mais. Coe bem e passe no rosto com auxílio de um disco de algodão, em movimentos circulares e evite o contato com os olhos.

2. Compressa para olheiras

Mergulhe 100 gramas de chá verde em meio litro de água fervente. Abafe por cinco minutos, deixe esfriar e depois coloque na geladeira por pelo menos uma hora. Molhe bem dois algodões com o chá gelado e coloque-os sobre os olhos. Deve agir por 15 minutos.

3. Máscara facial para pele oleosa

Separe uma colher de sopa de chá verde solúvel e uma colher de sopa de mel biológico. Misture a infusão do chá com o mel, se quiser pode bater no liquidificador. Aplique no rosto limpo e seco com uma massagem suave. Deixe agir por 20 minutos e retire com água fria abundante.

4. Máscara rejuvenescedora em casa

Ficar mais bonita e jovial é algo que toda mulher quer. Os cremes de rejuvenescimento são caros e pouco eficientes. Faça a sua própria máscara com ingredientes que tem em casa.

Faça meia xícara de café de infusão do chá de sua preferência e reserve. Bata no liquidificador os seguintes ingredientes:

  • Quatro uvas com casca;
  • Um pedacinho de gengibre;
  • Uma colher de sopa de argila verde;
  • Uma colher de sopa de mel;
  • Uma colher de sopa de iogurte natural.

Dilua a mistura no chá que estava reservado, passe no rosto e deixe ficar por uma hora. Retire com água fria.

5. Adeus poros dilatados

Se você tem poros dilatados, confira essa dica. Aprenda a fazer o gelo de chá verde que, quando acrescentado à uma cápsula de vitamina E, funciona muito bem para quem sofre com este problema.

Ao aplicar o gelo com vitamina E no rosto, os poros se contraem e a pele fica lisinha, desinflamando o tecido e combatendo cravos e espinhas. Fica mais fácil aplicar a maquiagem! Quem tem pele oleosa se beneficia também com a diminuição da oleosidade.

Este também é um ótimo tratamento para evitar o envelhecimento precoce da pele.

Ingredientes:

  • Meio litro de chá verde já coado;
  • Uma cápsula de vitamina E líquida;
  • Uma forma de gelo.

Após esfriar o chá perfure a cápsula de vitamina E e coloque sobre a bebida. Disponha a mistura em uma fôrma de gelo. Deixe no congelador até virar gelo, quando estará pronto para ser aplicado no rosto com massagem circular.

chá verde

Um segredo: lave o cabelo apenas com chá

Quer um cabelo forte, saudável, livre de caspa e volumoso? Esqueça o xampu! Em vez de colocar produtos químicos nos cabelos, na hora de lavar, que enfraquecem os fios e estimulam a caspa, aposte no banho de chá. Ao contrário do que pensa, seu cabelo não ficará com mau cheiro ou embaraçado.

Pode fazer um litro, ou mais, conforme o comprimento do seu cabelo, de chá e aplicá-lo no próximo banho. Vá massageando o couro cabeludo e despejando a infusão coada aos poucos. Se quiser, pode juntar chá de camomila para clarear os fios. Outra opção é colocar gotinhas de óleos essenciais da sua preferência no chá para dar um cheirinho mais duradouro.

 

 

Fonte: Journal of the American Medical Association

Crédito das imagens: Unsplash, Pixabay e Pexels