Aprenda a cultivar a castanha-da-índia; um excelente remédio para varizes

Confira os benefícios dessa oleaginosa rica em nutrientes saudáveis!

Quando falamos em plantas medicinais, a castanha-da-índia sempre aparece nos primeiros lugares. E isso não é à toa, pois de fato, especialistas a consideram um “super alimento”. Assim, veja hoje no SaúdeLab como ela pode auxiliar no tratamento das varizes e quais são os benefícios que você pode obter mediante o consumo dessa oleaginosa. Além disso, confira como é simples cultivar castanha-da-índia em casa!

Melhores benefícios da castanha-da-índia para a saúde

A castanha-da-índia é muito valorizada na medicina natural pelas suas propriedades anti-inflamatórias e venotônicas, que oferecem grandes benefícios para quem sofre com problemas de pressão e de circulação no sangue. Desse modo, o consumo dessa oleaginosa auxilia na melhora do tônus e resistência dos vasos sanguíneos e potencializa o retorno venoso.

Desse modo, a castanha-da-índia ativa a circulação do sangue, prevenindo acidentes venosos e a má circulação, além de combater o inchaço nas pernas. Assim, ela é uma ótima opção para o tratamento de problemas como varizes, tromboses e rompimento de vasos.

Mas os benefícios da castanha-da-índia não param por aí: ela também auxilia em tratamentos contra as hemorroidas e também favorece a cicatrização de feridas. Nesse sentido, ela reduz as inflamações locais, diminuindo dores e desconfortos gerados por estes problemas.

Da mesma maneira, esse tipo de castanha também favorece a perda de peso, uma vez que é rica em fibras, que dão a sensação de saciedade ao organismo. Além disso, o seu consumo evita a formação de placas de gordura nos vasos sanguíneos e diminui os índices de colesterol ruim, contribuindo para a prevenção de doenças como a aterosclerose.

Portanto, que tal ter todos esses benefícios à sua disposição? Aprenda abaixo a maneira mais fácil de cultivar a castanha-da-índia na sua casa!

castanha-da-índia
Veja como cultivar a castanha-da-índia em casa e as formas de consumi-la. Fonte: Canva.

Como cultivar a castanha-da-índia

Em primeiro lugar, é necessário ter em mente que a árvore de castanha-da-índia possui porte grande, podendo chegar até 35 metros de altura. Sendo assim, o local para cultivo deve ser amplo, com, no mínimo, 12 metros de espacialidade para todos os lados.

Assim, o primeiro passo é fazer as sementes de castanha germinarem. Para isso, coloque-as em um saco plástico com musgo e serragem e feche. Depois, coloque essa composição no freezer e deixe lá por cerca de 4 meses, o tempo necessário para que os brotos se desenvolvam se ataques de fungos ou parasitas.

Por fim, no solo preparado, basta colocar as sementes em buracos de cerca de 2,5cm de profundidade, cobrindo-as em seguida.

Passo a passo para o cultivo

Preparo do solo

O solo para plantio da castanheira da índia deve ser profundo e arenoso. Além disso, é importante adubá-lo com bastante matéria orgânica, como húmus de minhoca e cascas de alimentos.

Tempo de germinação

Nesse passo é necessário ter paciência: a castanheira é uma árvore de ciclos longos. Desse modo, ela pode demorar de 8 a 12 meses até começar a germinar.

Melhor época de plantio

A castanheira da índia deve ser cultivada sempre no início da primavera, entre os meses de setembro e outubro.

Regas

A irrigação do solo deve ser feita a cada 3 dias, com cuidado moderado para não encharcá-lo. Do mesmo modo, as regas não são necessárias em dias frios e chuvosos.

Luminosidade

A castanha-da-índia deve ser cultivada à sol pleno, em um ambiente com incidência direta de luz solar.

Qual a melhor forma de aproveitar a castanha-da-índia

Em geral, a castanha-da-índia é consumida no formato pó, pois seu substrato é seco e amargo. Assim, caso opte por ter uma plantação em casa, triture as castanhas para incluir na sua dieta. Nesse sentido, você pode utilizá-la em diversas receitas, como bolos, vitaminas, pães e shakes.

Além disso, você pode fazer um chá com as folhas da árvore, que possuem as mesmas propriedades que a castanha. Nesse caso, o consumo da bebida deve ser feito, por no máximo, 2 vezes ao dia.

Do mesmo modo, a castanha-da-índia deve ser consumida somente com indicação médica nos casos de pacientes com pressão alta, diabetes ou que fazem uso de medicamentos anticoagulantes, já que ela altera os níveis sanguíneos e as taxas de açúcar no sangue.

Leia mais: O que causa varizes? Descubra tudo sobre o problema de saúde

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitarconsulte Mais informação