10 Razões Para Cortar Carboidratos Hoje Mesmo

Saiba como cortar carboidratos para emagrecer

cortar carboidratos

Acelere a perda de peso, ganhe massa e queime o excesso de gordura corporal. Tudo isso pode acontecer se apenas cortar carboidratos da sua vida. Você não precisa passar fome, nem mesmo deixar de consumir carboidratos totalmente, basta mudar um pouco a sua rotina alimentar.

Cortar carboidratos significa adotar uma dieta low carb. Ou seja, deixar o arroz branco e a batata de lado e evitar produtos processados com farinhas refinadas. Sabe aquele pão no lanche da tarde? Pois é, você pode substitui-lo por alimentos ricos em proteínas.

Leia também: Dieta Low Carb: o que comer e tudo que precisa saber

Contudo, para fazer uma mudança segura, é preciso saber como eliminar carboidratos da alimentação e como dar preferência a alimentos que não contêm carboidratos. Por isso, separamos abaixo uma série de dicas para você mudar sua vida sem colocar em risco a sua saúde!

O que são carboidratos?

carboidratos complexos

Antes de mais nada, convém que você saiba que carboidratos vão muito além da batata, do pão e do arroz. E que eliminá-los por completo da sua vida é praticamente impossível, além de ser muito prejudicial.

O maior problema em relação aos alimentos que contêm açúcares é que nós geralmente priorizamos os processados, industrializados e pouco complexos. Ou seja, escolhemos aqueles que não têm bons nutrientes ou até não têm nenhum valor nutricional. É o caso das bolachinhas recheadas, do miojo, das batatas fritas, por exemplo.

Já os carboidratos complexos, como a batata-doce, o aipim, o milho e diversos outros cereais e seus subprodutos, são cruciais para qualquer tipo de alimentação, inclusive a low carb. A diferença entre os carboidratos simples e os complexos está na sua facilidade de digestão.

Quanto mais complexo um carboidrato, mais tempo ele leva para ser digerido, liberando a glicose no sangue de forma gradual e mais lenta, evitando picos de hiperglicemia. Os alimentos com essas características geralmente causam muito mais saciedade, dão energia e ajudam você a emagrecer, porque queimam mais calorias para serem digeridos.

Tipos de carboidratos

Além dessa classificação de simples e complexo, existem três grupos de carboidratos que você precisa conhecer. São eles:

  • Monossacarídeos: são divididos em três tipos: a glicose, que pode ser encontrada no mel, nas farinhas em geral e nas batatas; a frutose, que é o açúcar natural das frutas; e a galactose, que está presente no leite e seus derivados.
  • Dissacarídeos: também chamados de oligossacarídeos, eles são divididos em três tipos: a sacarose, que basicamente é o açúcar branco; a maltose, que é derivada de cereais como cevada, por exemplo; e a lactose, que é o açúcar natural do leite.
  • Polissacarídeos: são os carboidratos compostos por amido, como muitos grãos, cereais, arroz integral e batata. Também estão presentes em frutas, legumes, hortaliças, nozes e cascas de sementes.

Cortar carboidratos faz mal?

cortar carboidratos faz mal

Eliminar os carboidratos simples da sua dieta não só faz bem como melhora seu corpo e ajuda você na perda de peso. Agora, cortar toda e qualquer fonte de carboidrato pode fazer mal sim. Isso acontece porque o nutriente é extremamente essencial para o funcionamento e bem-estar do organismo.

As suas células precisam de carboidrato para se manter e realizar suas tarefas diariamente. Se você pratica atividades físicas regularmente, como a corrida, por exemplo, precisa ainda mais de um consumo adequado de carboidratos.

Quanto mais atividades físicas você fizer, mais carboidrato é necessário para que o corpo obtenha energia, mantenha o ritmo dos exercícios e das demais funções orgânicas. Portanto, você precisa moderar nos carboidratos, mas não deve cortá-los totalmente.

O ideal é optar por fontes saudáveis de carboidratos complexos, como massas e pães integrais, frutas, legumes e tubérculos variados e cereais. Tudo na vida é equilíbrio, na dieta low carb também!

Quais os sintomas da falta de carboidrato?

Sempre tem aquelas pessoas que levam a dieta à sério demais. Quando isso acontece, você pode até emagrecer rápido, porém sofrerá as consequências. Cortar demais os carboidratos pode trazer riscos a sua saúde.

Quem fica muitas horas e até dias sem ingerir carboidratos entra em estado de cetose. A cetose é popular entre as dietas porque ela faz com que o corpo utilize células de gordura em vez de carboidratos para produzir energia.

Indicada para pacientes obesos e com dificuldade de perder peso, a cetose não deve ser praticada ou estimulada durante muito tempo. Suas consequências incluem dores de cabeça, cansaço, tonturas, irritabilidade, ansiedade, dispersão e insônia.

A longo prazo, ela faz com que o corpo não só perca massa gorda como também elimine a massa magra, o que pode causar problemas ainda mais graves. Corte o pão da sua vida, mas não precisa ficar sem nenhum substituto!

Cortar carboidratos emagrece quantos quilos?

Tudo vai depender de cada caso. O corte severo do nutriente pode sim levar a um emagrecimento rápido, por isso é indicado à pacientes obesos ou que pretendem fazer cirurgia bariátrica. A pessoas saudáveis e com pouco sobrepeso, não deve ser praticado.

Cortar os carboidratos simples e prejudiciais da sua rotina, substituindo-os pelos complexos pode levar a um emagrecimento mais lento, porém saudável. Experimente trocar a batata normal pela doce, as geleias de fruta pelas frutas ao natural, as bebidas açucaradas por água, e as massa e pães por legumes e cereais.

Em poucas semanas você já deverá notar uma grande diferença. Algumas pessoas conseguem perder até dez quilos em um mês apenas com esta reeducação alimentar!

Veja 10 razões para cortar carboidratos simples de vez

razões para cortar carboidratos

1. Proteína também produz energia

Muitas pessoas pensam que cortar açúcar e carboidrato pode levar o corpo a produzir menos energia. Isso é um mito. Alimentos proteicos e carboidratos complexos também fornecem combustível para o nosso corpo, sem adicionar quilos a mais.

2. Diminui risco de diabetes

Carboidratos em excesso levam a uma grande concentração de açúcar no sangue. Com isso a sua produção de insulina também aumenta. Evitar o abuso destes alimentos ajuda a prevenir doenças como diabetes.

Quanto mais você consome carboidratos simples, mais corre o risco de aumentar sua resistência a insulina. Corte frituras, pães e farináceos processados do seu dia a dia. Prefira alimentos integrais e assados.

3. Perda de peso

A primeira pergunta que as pessoas fazem é “cortar carboidratos emagrece quantos quilos”. Tudo depende do seu estilo de vida e se você pratica exercício físico. O que é certo é que carboidratos engordam com mais facilidade e diminuir o seu consumo leva a uma perda rápida de peso.

Aliar carboidratos complexos a uma alimentação saudável não só ajuda você a emagrecer como também melhora a sua massa magra, fornecendo mais aporte para seus músculos.

4. Faz com que você coma mais saudável

Tirar o arroz, o pão e a batata do dia a dia obriga você a substituir estes alimentos. Com isso você comerá mais frutas, legumes, verduras e proteínas animais.

Trocar alimentos processados por cereais também significa ingerir uma quantidade maior de fibras. Isso não só melhora sua saúde como também regula o seu intestino.

5. Reduz o risco de demência

Diversas pesquisas mostram que os carboidratos influenciam no surgimento de sintomas de doenças como Alzheimer. Outros distúrbios e demências também são associados aos alimentos ricos em carboidratos.

6. É fácil trocar o carboidrato simples pelo complexo

Como você viu, existem dois tipos de carboidratos: os simples e os complexos. Cortar carboidratos simples, como massas e pães, tem inúmeros benefícios. Já os complexos são vitais para a nossa saúde e são eles que regulam uma parte fundamental do nosso cérebro.

Aderir a uma dieta low carb significa buscar enriquecer seu cardápio com carboidratos complexos como: lentilha, batata doce, cenoura, beterraba e alimentos integrais.

Por que substituir um pelo outro? Porque, como dissemos acima, cortar carboidratos totalmente da dieta pode ser prejudicial. Lembrando que a falta de carboidrato causa sintomas como desmaios, pressão baixa e cansaço.

7. Melhora seu desempenho físico

desempenho físico

Quando buscamos outras fontes de energia, como as proteínas, temos um desempenho físico melhor. Com isso, sentimos mais vontade de praticar esportes e facilidade para fazer academia, por exemplo.

Os carboidratos complexos levam mais tempo para serem digeridos, mantendo o seu organismo “alimentado” por mais tempo. Quem investe em cereais antes do treino, em vez do pão, sente a diferença.

Leia também: O Que Comer Antes do Treino Para Melhores Resultados?

8. Sono tranquilo

Quem come menos carboidratos e mais proteínas diminui a concentração de hipocretina. A substância controla nosso equilíbrio energético e, quando em excesso, provoca insônias e perturbações no sono.

9. Você comerá mais fibras

Como a maioria dos alimentos integrais tem grau elevado de fibras, você terá um trânsito intestinal muito melhor. As fibras também auxiliam diretamente na perda de peso. Elas dão maior sensação de saciedade, fazendo com que você sinta menos fome e coma menos.

10. Sem riscos cardíacos

Livrar-se dos açúcares significa viver uma vida sem problemas de coração.

 

 

 

 

 

 

 

Fontes consultadas

Fonte: Alternative and Complementary Therapies

Fontes bibliográficas:

  • Stephenson, J. (2003). Low-carb, low-fat diet gurus face off. JAMA, 289(14), 1767-1773.
  • Taubes, G. (2008). Good calories, bad calories: fats, carbs, and the controversial science of diet and health. Anchor.

Crédito das Imagens: Unsplash e Pexels