Qi Gong: conheça essa prática da MTC para ter energia e equilíbrio vital

0
220
qi gong mtc
Qi Gong: conheça essa prática da MTC para ter energia e equilíbrio vital (Fonte da imagem: VeryWell Health/Reprodução)

O Qi Gong nada mais é do que uma série de exercícios corporais ou técnicas que mexem com o Qi, que representa a energia vital do corpo. Há uma infinidade de modalidades dessa prática terapêutica, que, aliás, faz parte da Medicina Tradicional Chinesa (MTC).

O objetivo dessa prática é movimentar a energia sutil (Qi), corrigir uma série de problemas e restaurar o equilíbrio geral. Ela agrupa em torno de si todo um conjunto de habilidades de luta, desenvolvimento e expansão da consciência mental e física.

Leia ainda: Os benefícios da fitoterapia chinesa para a saúde em geral; conheça mais

Os benefícios do Qi Gong

qi gong benefícios
Fonte da imagem: Yoga Journal/Reprodução

Um dos primeiros benefícios do Qi Gong que pode ser citado é o restabelecimento da circulação correta e apropriada da energia e igualmente do sangue por todo o corpo. Além disso, a prática, que também é chamada de Chi Kung, aumenta a circulação sanguínea, fortalece a respiração e alivia o estresse do cotidiano.

Outro benefício bastante interessante do Chi Kung é que ele melhora consideravelmente a qualidade do sono. Com efeito, devido ao fato de promover um relaxamento profundo e trazer paz para a mente, consegue-se dormir mais facilmente e ter um descanso mais qualitativo.

Leia ainda: EFT – Técnica de Liberação Emocional: descubra essa técnica para liberar energias negativas

Segundo a Medicina Tradicional Chinesa, a pele tem, entre seu escopo de funcionalidades, a eliminação de toxinas. O Chi Kung, de acordo com essa Medicina Tradicional Chinesa, permite que se elimine toxinas através da pele.

Ademais, a prática dessa terapia intenciona uma maior conexão com o momento presente, proporcionando assim um equilíbrio das emoções e uma postura mais alegre e otimista em relação à vida.

As modalidades e escolas do Chi Kung

O Chi Kung ou Qi Gong possui diversas modalidades, que são divididas em duas categorias distintas: estáticas e dinâmicas. O Chi Kung estático pode ser compreendido como meditativo e se vale de meditação guiada e também exercícios de visualização criativa. O foco aqui é a mente, modificando-se a frequência do cérebro.

Por outro lado, no Chi Kung dinâmico, o mesmo é composto por um conjunto de exercícios físicos, foco na respiração e visualizações criativas, objetivando uma integração entre a mente e o corpo.

Leia ainda: Cores nas máscaras: saiba como a cromoterapia pode auxiliar nessa pandemia

Pode-se afirmar a existência comum entre todas as diferentes modalidades e escolhas dessa prática, é um maior desenvolvimento da consciência corporal, promoção do relaxamento mental e ampliação da capacidade de concentração e também da atenção.

Gostou desta matéria? Acompanhe as nossas redes sociais: Facebook, InstagramTwitter e Pinterest.

Deixe seu comentário

Grupos do SaúdeLab

SaúdeLab no WHATSAPP
SaúdeLab no TELEGRAM

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here