Adeus ansiedade: conheça 14 opções de alimentos contra as crises

Para controlar a ansiedade, você deve, além de manter uma dieta equilibrada, fazer mudanças em seu estilo de vida

22
ansiedade
Aproveite a lista de alimentos que separamos para ajudar a diminuir a ansiedade (Foto: RF)

Adeus, ansiedade! A conexão entre a comida e o cérebro é significativa, portanto, se você costuma ficar estressado e nota sinais de ansiedade, certifique-se de quais alimentos podem levantar seu ânimo e diminuir crises.

Aproveite nossa lista com 14 opções que não podem ficar de fora de seu dia-a-dia incluindo legumes, proteína magra (como peito de frango, peixe), grãos inteiros, vegetais e frutas. Para controlar a ansiedade, você deve, além de manter uma dieta equilibrada, fazer mudanças em seu estilo de vida.

Outra dica da médica endocrinologista Fernanda Gomes de Melo é: “Coma para alimentar seu corpo, não para alimentar suas emoções”

Transtorno de ansiedade

Os sinais de transtorno de ansiedade generalizada podem ser físicos e psicológicos, incluindo irritação, dor de cabeça e dor no corpo, tensão, dificuldade de concentração, preocupação excessiva, ritmo cardíaco acelerado, problemas com relacionamentos pessoais, de trabalho e sociais.

Uma dieta nutritiva adequada também pode acalmar a ansiedade e se aplicada junto com terapia cognitivo-comportamental e medicação, pode devolver a qualidade de vida.

Conheça 14 opções de alimentos que ajudam a reduzir a ansiedade

Quando você opta por alimentos mais saudáveis, até a sua saúde mental agradece

1. Castanha do Pará

castanha do pará
A castanha do pará é rico em minerais, vitaminas e vitaminas do complexo B (Foto: Indiamart)

Informações nutricionais: Cálcio, ferro, magnésio, proteínas, selênio, vitamina E e vitamina B6. Ajuda na redução dos níveis de colesterol ruim e aumenta os níveis de colesterol bom.

O selênio melhora o humor e, portanto, pode ser útil para reduzir a ansiedade. Atua também atua como um antioxidante, o que impede o dano celular. Igualmente, este ansiolítico natural é anticancerígeno.

Podemos encontrar selênio na soja, em cogumelos.

2. Ovos

ovos
Foto: Australian Eggs

Informações nutricionais: Proteína de alta qualidade, contém vitamina A, vitamina B-6, vitamina D (gema), ferro, minerais, carotenoides (degeneração macular).

Podemos encontrar ainda a zeaxantina,  que atua como antioxidante, é útil para a saúde da pele e dos olhos, bem como a luteína, que previne o envelhecimento precoce da pele e contribui no combate contra os radicais livres, raios UV e luz azul.

Há ainda o triptofano, que é um aminoácido essencial, ou seja, não produzido pelo organismo, mas obtido a partir da alimentação. Ele ajuda a sintetizar serotonina, conhecida como o “hormônio do prazer”, melatonina e niacina.

Por isso está associado ao tratamento e prevenção da depressão, ansiedade, insônia e pode até mesmo auxiliar no processo de emagrecimento.

3. Sementes de abóbora contra a ansiedade

ansiedade
Foto: Good Foods

Informações nutricionais: São extremamente ricas em zinco e promovem a saúde da próstata masculina. Um estudo descobriu que as sementes de abóbora são um grande impulsionador da libido.

As sementes de abóbora são ricas em ácidos graxos essenciais, que atuam como precursores das prostaglandinas – substâncias semelhantes a hormônios importantes para a saúde sexual.

Contém cálcio, magnésio, potássio, zinco, esqualeno, ômega-3 e ômega-6, antioxidantes, fibras, triptofano, reduz o LDL e previne a aterosclerose, o acúmulo de placas de gordura, cálcio e outras substâncias nas artérias.

A semente de abóbora é um alimento ansiolítico e uma boa fonte de potássio, que ajuda a controlar a pressão arterial e o equilíbrio eletrolítico. Também pode reduzir os sinais de ansiedade e estresse.

4. Peixes gordurosos

Informações nutricionais: Alimento rico em proteínas e ômega-3, também contém sódio, iodo, vitamina D.

Assim, peixes gordurosos como sardinhas, trutas, salmão e cavala reduzem a ansiedade e são conhecidos por serem bons para a saúde mental. Os ácidos graxos controlam os neurotransmissores e estimulam o funcionamento saudável do cérebro, reduzindo assim a ansiedade e o estresse.

Então, se você é vegano, pode adicionar suplementos de ômega-3 feitos de microalgas à sua dieta.

5. Chocolate Amargo

ansiedade
Foto: Pravda

Fatos nutricionais: Além do sabor, podemos encontrar no chocolate zinco, magnésio, ferro, antioxidantes. É também uma excelente fonte de polifenóis, e possui alto teor de triptofano.

Assim, o controle da ansiedade é um dos benefícios deste alimento, preferencialmente chocolate amargo que contenha mais de 70% de cacau. Com polifenóis, principalmente flavonoides que reduzem a morte celular e a neuro inflamação, melhorando o fluxo sanguíneo.

Então, com um alto teor de triptofano, ele cria serotonina que atua como um intensificador de humor. Por vir acompanhado de magnésio, o chocolate amargo pode ajudar na redução do estresse e da depressão.

6. Camomila

Fatos nutricionais: Uma xícara deste chá, pode ser fonte de flavonoides (apigenina, quercetina e luteolina), cálcio, zinco, ferro, potássio, cobre e manganês.

Inclusive, a camomila também faz parte dos alimentos que ajudam a aliviar a ansiedade, pois vem com flavonóides, propriedades antioxidantes, antiinflamatórias, relaxantes e antibacterianas. O chá de camomila pode ajudar a controlar a ansiedade, tome à vontade.

7. Chá verde e de hortelã

ansiedade
Foto: Jonah Amparo

Informações Nutricionais: Contém Polifenóis, Antioxidante, Probiótico, Epicatequina, Epicatequina-3-galato, Epigalocatequina e EGCG, com pequena quantidade de potássio.

Então, vale lembrar que o chá preto possui substâncias como a teanina, que proporciona o aumento dos níveis de serotonina e dopamina no organismo, substâncias responsáveis pela sensação de bem-estar.

Aliás, estes chás, que desde a época da tataravó já eram recomendados, reduzem muito os sintomas de estresse e ansiedade.

8. Leite e iogurte

Fatos Nutricionais: Cálcio, Cobalamina, Vitamina B-6, Vitamina B12, Riboflavina, Magnésio, Fósforo, Proteína, Alfa-caseína, auxiliar na absorção de minerais como fósforo e cálcio.

Ademais, no soro do leite presente no iogurte há bactérias saudáveis, incluindo Bifidobacteria e Lactobacillus. Inclusive, o leite e derivados tem propriedades anti-inflamatórias, portanto, são auxiliares importantes na redução do estresse, da ansiedade e da depressão.

Assim, uma receitinha indiana que, além de diminuir as dores no corpo e de cabeça, ainda proporciona uma noite de sono com mais qualidade é o leite com açafrão. Relaxante natural e desintoxicante natural do fígado, é excelente para a saúde mental.

9. Couve

ansiedade
Foto: Grampa John

Fatos nutricionais:  A couve é rica em antioxidantes, vitamina C, beta-caroteno, cálcio, vitamina K e fitoquímicos, nitrato e polifenóis. Ela ajuda na redução da pressão arterial e ao mesmo tempo dos níveis de estresse, sendo considerada anti-ansiedade.

Além disso, com uma boa quantidade de vitamina C e beta-caroteno na couve, aumenta os antioxidantes em seu corpo, melhorando o humor e o funcionamento do cérebro.

Então, semelhantemente, couve batida no liquidificador ou mixer com suco de laranja, funciona como um energético natural, ótimo para ser ingerido antes das práticas esportivas.

10. Abacate

ansiedade
Foto: Nigel Crane

Fatos nutricionais: Rico em vitamina B6, tiamina, niacina, riboflavina, vitamina B, vitamina E.

A vitamina B6 cria neurotransmissores, incluindo a serotonina, conhecida como estimulante do humor. Além disso, a tiamina, a niacina e a riboflavina têm efeitos positivos no sistema nervoso, diminuindo as crises de ansiedade.

Ademais, o abacate contém vitamina E, positiva para a visão e pele brilhante, assim como reduz a ansiedade e alivia o estresse. Assim, é um alimento versátil que cabe bem em pratos salgados e doces.

11. Curry

Curry
Benefícios do Curry e suas propriedades medicinais. Confira (imagem: pexels)

Fatos Nutricionais: O curry é rico em manganês, Potássio, Vitamina C, Ferro, Magnésio, Cobre, Cálcio, Zinco, vitamina B6, niacina, colina, riboflavina, antioxidantes e fibra dietética e Curcumina, um composto polifenólico que reduz a ansiedade.

Além disso, pesquisas apontam benefícios para a degeneração do cérebro relacionado ao Alzheimer. Na verdade, ele é uma fusão de diversas especiarias, sendo considerado, portanto, um tempero composto.

Ademais, os ingredientes do curry são: canela, cravinho, pimenta, cominho, casca de noz-moscada, gengibre, coentro, cardamomo, açafrão-da-terra e pó seco de folhas de árvore-de-caril.

Inclusive, o açafrão, especialmente, aumenta o DHA, que também reduz a ansiedade.

 

12. Aspargos

Foto: Nigel Crane

Fatos Nutricionais: Proteína, Vitamina C, Vitamina A, Vitamina K, Vitamina B-9, Cálcio, Ferro, Cobalamina, Magnésio, Vitamina B-6, Potássio, Anti-oxidantes, Fibra.

Inclusive, os aspargos são um alimento saudável e excelente no combate a ansiedade e a depressão. Ademais, sua ingestão por gestantes, também pode suprir a deficiência de ácido fólico, que é indispensável no desenvolvimento do sistema nervoso fetal.

O aspargo também melhora o humor.

13. Bananas

Informação nutricional: Por ser rica em carboidratos e proteínas, um dos principais benefícios é dar energia, mas aumenta a sensação de saciedade e de bem estar, pois é rica em triptofano, um composto importante para melhorar o humor.

Ademais, segundo pesquisadores do Instituto de Pesquisas de Alimentos e Nutrição das Filipinas, a fruta ajuda no combate da depressão e alivia os sintomas da ansiedade. Igualmente, graças ao alto teor de triptofano que a fruta carrega, aumenta a produção de serotonina.

 14. Amêndoas

ansiedade
Foto: PXHere

Informação nutricional: Amêndoas oferecem proteína, magnésio, fibra, fósforo, vitamina E, manganês e cobre.

Aliás, a amêndoa também faz parte da lista de alimentos que reduzem a ansiedade e o estresse, afinal contém magnésio. Diz-se que o magnésio aumenta a serotonina no cérebro, aumentando a sensação de alegria.

Assim, contém fibra alimentar pode melhorar a saúde intestinal, além de dar a sensação de saciedade.

 

Deixe seu comentário

Grupos do SaúdeLab

SaúdeLab no WHATSAPP
SaúdeLab no TELEGRAM

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here