Conheça os usos medicinais do boldo e aprenda a cultivar em casa

Os benefícios do boldo para a sua saúde são insuperáveis, confira!

O boldo é uma das plantas medicinais mais famosas entre os brasileiros. De fato, é comum que ele seja encontrado em jardins e canteiros por aí. Porém, você conhece todos os benefícios que esta espécie pode oferecer à sua saúde? Confira hoje no SaúdeLab e aprenda também o passo a passo para cultivar em casa.

Os benefícios do boldo

São conhecidos até o momento 5 tipos de boldo. No entanto, o que mais encontrados são dois tipos. Também conhecido como boldo verdadeiro, o boldo-do-chile se diferencia do boldo brasileiro por possuir a folhagem brilhante e de aspecto “plastificado”. Ademais, dentre seus muitos benefícios destaca-se a presença de um antioxidante chamado boldina, que estimula a produção de bile pelo fígado, atuando no estímulo ao bom funcionamento deste órgão.

Além disso, outros antioxidantes presentes na planta, como a forscolina e a barbatusina atuam como protetores do fígado em casos de esteatose hepática, ou seja, excesso de gordura. Dessa maneira, o boldo-do-chile atua prevenindo o mal-estar e a dores causadas por esse tipo de desordem.

Da mesma forma, o boldo-do-chile também auxilia na má digestão e na diminuição de gases. Nesse sentido, a planta também é capaz de equilibrar a acidez no estômago aliviando processos de gastrite, azia e alguns dos sintomas de intolerância alimentar, como cólicas e irritação no estômago. Do mesmo modo, ele também é útil para tratar casos de prisão de ventre e infecções intestinais.

Já o boldo brasileiro é o mais encontrado ou boldo-da-terra é o mais amplamente cultivado no Brasil. Sendo encontrado muito facilmente em quintais das vovós. Sua folhas possuem um aspecto mais aveludado e seu uso é mais indicado para má digestão, analgésico e problemas estomacais em geral.

Em ambos os casos de tipos de boldo, a forma de cultivo é o mesmo. Assim, que tal desfrutar de todos esses benefícios e aprender a plantar o boldo em casa? Veja agora como é simples o passo a passo.

Tipos de boldo para cultivar.
Conheça os usos medicinais do boldo e aprenda a cultivar em casa. Foto: Canva PRO

Como cultivar o boldo

A propagação do boldo se dá através do galho de uma planta adulta, utilizando-se o método de estaquia.

Passo a passo para o cultivo

Preparo do solo

O boldo-do-chile pode ser cultivado tanto em vasos quanto em canteiros. Para a primeira opção, opte por modelos de cerca de 30cm de tamanho, e que possua furos na base, para um melhor escoamento das águas da irrigação. Ademais, o solo para plantio deve ser fértil, bem drenado e com boa quantidade de matéria orgânica.

Por fim, basta enterrar a base do galho de boldo-do-chile na terra, em uma cova de cerca de 15cm de profundidade, cobrindo e compactando a terra com as mãos em seguida. Caso vá plantar mais de 1 muda, dê um espaço de 1 metro entre cada uma.

Tempo de germinação

Com a estaca plantada, as raízes da planta começarão a se desenvolver em cerca de 1 semana. Além disso, a colheita das folhas pode ser realizada após 6 meses do plantio.

Melhor época de plantio

O boldo-do-chile é uma planta que se desenvolve bem em climas quentes. Desse modo, o ideal é que ele seja cultivado entre os meses de primavera e verão, a saber, entre outubro e fevereiro.

Regas

O boldo-do-chile não precisa de uma rega constante. Desse modo, a irrigação deve ser feita somente quando o solo aparentar estar muito seco.

Luminosidade

Para se desenvolver, o boldo-do-chile precisa ser cultivado em um local com bastante incidência de luz solar.

Qual a melhor forma de aproveitar o boldo

Chá

A melhor forma de aproveitar os benefícios que o boldo-do-chile oferece para a saúde é consumindo-o em forma de chá. Assim, para prepará-lo, basta adicionar uma colher de chá de folhas da planta picadas a 1 xícara de água já fervida, aguardando cerca de 10 minutos.

Nesse sentido, é importante destacar que as folhas nunca devem ser fervidas junto com a água, de modo a evitar a gosto amargo da planta. Além disso, o chá deve ser ingerido imediatamente depois de preparado. A indicação de consumo é de 2 a 3 vezes por dia, antes ou depois das refeições. Ademais, a bebida não deve ser consumida por mais de 30 dias.

Suco

Outra boa opção para desfrutar dos benefícios do boldo é preparando um suco. Dessa forma, basta adicionar 1 colher de chá das folhas de boldo-do-chile picadas a 1 copo de água gelada e meio copo de limão. Por fim, basta bater a mistura em um liquidificador e tomar em seguida.

Contraindicações

Todavia, é importante salientar que o consumo de boldo possui algumas contraindicações. Nesse sentido, o chá da planta deve ser evitado por mulheres grávidas, lactantes ou que estejam tentando engravidar, pois ele pode causar contrações uterinas e até aborto.

Além disso, o boldo-do-chile não deve ser ingerido por crianças, pessoas com problemas na vesícula, nos rins, fígado, vias biliares e pâncreas. Do mesmo modo, ele é contraindicado para indivíduos que sofrem de pressão alta, ou que possuam diabetes ou hepatite.

Leia mais: Chá de boldo emagrece? Veja os 10 principais benefícios da planta para a saúde

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitarconsulte Mais informação